- PUBLICIDADE -

Esgoto irregular que desembocava no Canal Do Marambaia é lacrado

A Emasa em parceria com a Secretaria de Obras foram acionadas para lacrar um esgoto de um prédio residencial na Rua 1201

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Maislaser vai presentear 100 pessoas com 10 sessões de depilação a laser em agosto

10 sessões de depilação a laser em uma área pequena! Não vai perder esse presentão, né?
rio marambaia
Divulgação

Na tarde desta terça-feira (01), a equipe da Emasa realizou a lacração de um esgoto irregular na Rua 1201, que desembocava no Canal Do Marambaia.

A Emasa em parceria com a Secretaria de Obras foram acionadas para lacrar um esgoto de um prédio residencial na Rua 1201, que desembocava no Canal do Marambaia. O prefeito Fabrício Oliveira, que acompanhou a ação, pediu a colaboração dos moradores da região para que observem qual a situação do esgoto do seu prédio. “Se cada um cobrar do seu síndico como está a sua rede pluvial e que se estiver irregular, seja tomada uma postura imediata, logo resolveremos a situação do Marambaia de maneira mais rápida”, disse ele.

Os lacres de esgotos irregulares começaram no final do mês de novembro e são feitos quando são identificados os locais. Até agora, oito lacres já foram realizados. Só na região da Bacia do Marambaia mais de 23 mil imóveis já foram inspecionados pelo Se Liga na Rede.

Os moradores que tiverem os esgotos lacrados podem procurar a Emasa para se regularizar. A Autarquia Municipal está localizada na 4ª Avenida, nº 250. Dúvidas e informações pelo telefone 0800 643 6272 ou no Whatsapp da Emasa (47) 3261-0000.

 


COMENTE ABAIXO ⬇

Telegram: participe do canal do Click Camboriú

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de Balneário Camboriú e região em seu e-mail.

⚠ Confirme na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Como a cannabis medicinal tem ajudado famosos e não famosos

A Huniq, empresa de cannabis medicinal instalada em Itajaí, é responsável pelo tratamento das quatro histórias apresentadas nessa reportagem
- PUBLICIDADE -