- PUBLICIDADE -

Casa da Cidadania prioriza atendimento para moradores afetados pelas chuvas em Camboriú

Moradores que perderam os documentos durante a enxurrada terão isenção de taxas na emissão de certidões de nascimento, RG, carteira de trabalho, entre outros

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Como a cannabis medicinal tem ajudado famosos e não famosos

A Huniq, empresa de cannabis medicinal instalada em Itajaí, é responsável pelo tratamento das quatro histórias apresentadas nessa reportagem
Casa da Cidadania Camboriú edited
Divulgação

A Casa da Cidadania de Camboriú prioriza o atendimento de pessoas que perderam documentos nas enxurradas, deslizamentos de terra e inundações das últimas noites. Moradores afetados devem procurar a sede do serviço – Rua José Francisco Bernardes, n° 429, no Centro. Para a emissão dos documentos é necessário apresentar boletim de ocorrência. O horário de atendimento é de segunda a sexta-feira, das 13 às 19 horas.

O atendimento de pessoas que perderam os documentos é diferenciado por senhas na cor vermelha e isento de taxas. As emissões seguem ordem específica e, inicialmente, são geradas novas vias de certidão de nascimento e RG. Em seguida, são emitidas carteira de trabalho, registros no Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), certificado de reservista, entre outros.

“Passamos por um momento traumático, decorrente de uma tragédia da natureza que não podemos controlar. Muitos estão em situação de desespero, vulnerabilidade, e precisamos direcionar todo o nosso apoio e acolhimento. O primordial agora é ter esse olhar social, humano. Por isso, peço que nos procurem”, defende a coordenadora da Casa da Cidadania, Hortencia del Carmen Bardales Pezo.


COMENTE ABAIXO ⬇

Telegram: participe do canal do Click Camboriú

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de Balneário Camboriú e região em seu e-mail.

⚠ Confirme na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Imobiliária de Balneário Camboriú aluga imóvel em até 30 dias ou paga o condomínio

A imobiliária promete alugar o imóvel em até 30 dias, ou pagar o condomínio ao proprietário
- PUBLICIDADE -