- PUBLICIDADE -

Balneário Camboriú é destaque em Fórum Mundial Social

O Fórum Mundial Social da População Idosa, aconteceu em Porto Alegre

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Camboriú Play recebe o youtuber Natan Por Aí nesta sexta-feira, 12

O podcast acontece ao vivo às 13h30, pelo canal do Camboriú Play no YouTube
Fórum idoso secretaria pessoa idosa 4 edited 1
Divulgação

Balneário Camboriú foi destaque nesta terça-feira (23), no Fórum Mundial Social da População Idosa, em Porto Alegre. O evento reúne dirigentes de associações, entidades e poder público com foco na promoção da Terceira Idade. A apresentação das políticas públicas desenvolvidas pela Secretaria da Pessoa Idosa (SPI) foi o case de sucesso, no auditório da Faculdade Factum. Após a apresentação do projeto, a SPI foi convidada novamente pelo presidente do Instituto Amigos do Fórum Social Mundial, Lélio Falcão, a fazer a apresentação novamente, nesta quarta-feira (24) para um grupo seleto de Conselhos Municipais do Idoso e cientistas que estudam a terceira idade, na PUC/RS. Além disso, Balneário foi o único município de Santa Catarina a ter um representante na composição da mesa de autoridades que abriu o evento, na segunda-feira (22), na Assembleia Legislativa.

Na apresentação feita pela secretária da Pessoa Idosa, Christina Barichello, ganhou destaque os quatro eixos de trabalho desenvolvidos pelo órgão. “O idoso quer a mesma coisa que uma pessoa de 20, 25 anos. Quer ser feliz, mas muitos não se programam e quando chegam na terceira idade sofrem com o que chamamos de síndrome do ninho vazio. Os filhos crescem, vão viver as suas vidas e o idoso sofre com a solidão e depressão. Questionamos a eles: o que você vai ser quando envelhecer e fizemos as provocações para que ele busque a construção de um novo projeto de vida”, disse Christina.

A estratégia desenvolvida pela pasta, cujo lema é “Vem ser Feliz 60 + BC”, passa pela Saúde Física e Mental, Proteção, Autoestima, Educação, esporte e lazer. Atualmente a SPI tem cadastrados mais de 4,5 mil idosos. Muitos deles, participam de uma das 82 oficinas que funcionam das 8h às 19h. No local, os idosos têm acesso a diferentes atividades, são estimulados a socialização e ao desenvolvimento. Entre as oficinas, tem pilates, retrodance, línguas estrangeiras, mídias sociais, automaquiagem e outras dezenas. Ganham destaque pelo grande número de participantes o Programa Pense Leve, que leva os idosos a reflexões e vivência em lugares diferentes pela cidade e pelo Estado; o Programa Cão Terapia e o Programa Interageracional. Os centros de vivências do Centro, Bairro dos Municípios, Barra e agora Nações foram repercutidos no evento, como estruturas essenciais para que os programas alcancem toda a cidade.

Pela primeira vez presente no Fórum Mundial Social, a professora aposentada Vera Guimarães, que participa das atividades da SPI, está satisfeita com o evento. “Eu acho importante participar porque são discussões de atenção às necessidades dos idosos. A gente acaba conhecendo as soluções que estão sendo buscadas no país para que o idoso tenha uma vida mais saudável e produtiva e seja mais útil a sociedade”, disse a professora. Um grupo de 32 idosos de Balneário Camboriú estão participando do Fórum.

A programação

A programação desta terça-feira contou ainda com a apresentação da artista seresteira de Balneário Camboriú, Eulina Silveira, que levou sua música, no Centro Cultural Érico Veríssimo. Nesta quarta-feira, o programa Abraço ao Idoso será apresentado em um painel na PUC, que discute a prevenção e a proteção a idosos vítimas de violência, tanto emocional como financeira.

O CEPE

Na explanação, Christina destacou o trabalho desenvolvido pelo Centro de Estudo e Pesquisa do Envelhecimento (CEPE), que está em funcionamento desde fevereiro de 2017 e reúne profissionais de saúde, universidades e sociedade civil para realizar estudos. O espaço tem o objetivo de garantir mais qualidade de vida para a terceira idade e entender a mudança demográfica com o aumento da expectativa de vida do brasileiro e consequentemente da população de Balneário Camboriú. “Para o trabalho dar certo, tem que haver vontade política do gestor. Esse é o primeiro passo para uma política séria pública em prol do idoso, o entendimento da responsabilidade que temos com a terceira idade. Em Balneário Camboriú, temos carta branca do prefeito Fabrício Oliveira para fazer um trabalho com excelência”, ressaltou a titular da pasta.


COMENTE ABAIXO ⬇

Telegram: participe do canal do Click Camboriú

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de Balneário Camboriú e região em seu e-mail.

⚠ Confirme na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Como a cannabis medicinal tem ajudado famosos e não famosos

A Huniq, empresa de cannabis medicinal instalada em Itajaí, é responsável pelo tratamento das quatro histórias apresentadas nessa reportagem
- PUBLICIDADE -