- PUBLICIDADE -

Palestras sobre o Golpe Militar reúnem estudantes na Câmara de Itajaí

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Desenvolva as suas habilidades e competência de Liderança

Programas de MBA e Masters da Tear Escola de Negócios engloba participantes com ou sem graduação e é semipresencial com duração de 12 meses

Cerca de 200 estudantes da rede pública e particular de ensino de Itajaí, a maioria realizando atividades de contraturno escolar no Parque Dom Bosco, participaram nesta quarta-feira (26) de duas palestras alusivas aos 50 anos do Golpe Militar de 1964. O evento realizado no Plenário da Câmara teve o objetivo mostrar aos jovens os atos praticados durante o regime e os reflexos da ditadura militar na sociedade atual.

A abertura ocorreu às 9 horas e na sequência foi realizada a palestra do cientista social e historiador Normélio Weber. Em seguida, foi a vez do economista e advogado Carlos Fernando Priess falar aos estudantes. No período da tarde a programação recomeçou às 14 horas.
Weber fez uma contextualização do Golpe Militar no Brasil, relacionando ao momento pelo qual passavam as grandes potências mundiais. Também lembrou da formação dos militares brasileiros e destacou os atos praticados durante a ditadura. “Foi um período marcado por muita repressão, censura e tortura. A maior parte dos estudantes não tinha nem ideia de que o Brasil viveu momentos assim”, destacou o historiador.
Já Priess falou de sua experiência de vida na época do Golpe Militar. O economista e advogado foi preso em Itajaí e torturado em Florianópolis, durante o regime ditatorial. “Muitas pessoas não resistiram às torturas e acabaram morrendo. Para que isso nunca mais se repita, acredito que vale a pena se engajar nas lutas sociais e por seus direitos”, ressaltou.
Programação
Além das palestras de hoje, no sábado (29) haverá um Ato Cívico de Repúdio ao Golpe de 64 com uma caminhada no calçadão da Rua Hercílio Luz, a partir das 9 horas.
Na terça-feira, 1º de abril, às 19h, ocorre uma sessão solene na Câmara de Vereadores para marcar os 50 anos do ato. A programação foi proposta por parlamentares das bancadas do PT, SD, PMDB, PRP e DEM.

COMENTE ABAIXO ⬇

Receba as notícias do Click Camboriú pelo Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Dia das Mães: Maislaser vai presentear 100 pessoas com 10 sessões de depilação a laser

Ganham as 100 primeiras pessoas que ligarem para (47) 3011-0611 ou 3011-0211, ou entrarem em contato pelo WhatsApp 047 99273-2191
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.