Univali e Pró-Rim realizam campanha em prol da doação de órgãos

Publicado em

- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

Nesta sexta-feira 27, é comemorado em todo o Brasil o Dia Nacional da Doação de Órgãos. Com a campanha “Sim: eu quero ser doador de órgãos” estudantes do 6° período do curso de Comunicação Social – Habilitação em Relações Públicas, da Universidade do Vale do Itajaí, em parceria com a Fundação Pró-Rim, realizarão o “Dia do Sim” com várias ações que acontecem durante todo o dia no campus da Univali, em Itajaí.

O objetivo é estimular as pessoas a expressar a vontade de ser doador. No Brasil, a doação de órgãos e tecidos é feita somente com o consentimento da família, por isso é tão importante conversar sobre o tema. O país é o segundo do mundo em número de transplantes realizados por ano.

Entre as atividades, haverá abordagem com entrega de material informativo, exclusivo da campanha. Uma blitz nos portões de entrada da Univali e a entrega de flyers, com a presença da mascote da Fundação Pró-Rim, o “Rinzito” para interagir com as pessoas.

Quem passar pelo local também poderá preencher um tipo de carta que será enviada futuramente às famílias das pessoas dispostas a serem doadoras. O motivo principal da carta é estimular a conversa em casa e trazer depoimentos de alguns pacientes da Pró-Rim que encontraram no transplante uma nova esperança de vida.

Mais sobre a campanha

A iniciativa de começar a parceria entre a Fundação Pró-Rim e a Univali partiu da professora do curso de Relações Públicas, Cristiane Riffel, que propôs à turma uma atividade prática que pudesse ir além da sala de aula.

Em contato com a Pró-Rim a turma decidiu topar o desafio de desenvolver a temática sobre o Dia da Doação de Órgãos. Foi feita uma viagem técnica na matriz da instituição, em Joinville (SC), na qual os alunos puderam entender mais sobre a importância da doação de órgãos. Eles participaram de uma conversa sobre os tabus, leis e casos de pacientes da Fundação que receberam um novo rim, através da solidariedade de famílias conscientes sobre esta importância.

Com a cabeça cheia de ideias voltaram para a sala de aula e decidiram pelo Dia do Sim com a temática “Eu quero ser doador de órgãos”.

Segundo Andréia Jacopetti, Coordenadora de Comunicação da Pró-Rim, esta parceria é muito importante pois permitirá orientar o público jovem, que é formador de opinião dentro e fora de casa. “Vemos todos os dias pessoas lutando para viver e esperando por uma doação. Então, engajar os universitários significa mostrar a eles de que forma a informação e o diálogo em casa sobre a doação de órgãos podem salvar vidas”, enfatiza.

Texto: Isadora Cristina Hoepers Dutra (Acadêmica de Relações Públicas) e Oriana Dutka (Assessoria de Imprensa – Fundação Pró-Rim)

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

- Publicidade -