- PUBLICIDADE -

Balneário Camboriú na direção certa no tratamento de esgoto

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Empresa catarinense tem o melhor custo benefício do Brasil em colchões magnéticos

Além dos colchões magnéticos, a Superlife Colchões também conta com os mais variados modelos de cabeceiras, base baú e base box com auxiliar, tudo com fabricação própria

A interessante reportagem veiculada na revista Veja desta semana, enfoca o desempenho brasileiro na expansão de redes de esgotos. Na matéria, afirma-se que “mais de 150 anos depois (da construção dos primeiros esgotos no Brasil, em 1857, por Dom Pedro II), 45% dos domicílio brasileiros ainda permanecem desconectados do sistema de escoamento”.

A reportagem diz ainda que das 27 capitais brasileiras, somente sete têm mais de 80% de seus domicílios conectados à rede de coleta de dejetos.

A reportagem de Veja, surge num momento de excelentes perspectivas em Balneário Camboriú, onde a Emasa – Empresa Municipal de Água e Saneamento – inaugura neste ano sua nova Estação de Tratamento de Esgoto (ETE), assegurando 95% de eficiência no tratamento e implantará 100% de redes coletoras.

O investimento do município é de R$ 22 milhões em recursos próprios só na ETE, e outros, R$ 23 milhões na rede coletora, com parte financiada pelo governo federal, via PACs.

A nova ETE tem suas obras civis em andamento, como a parte das construções (R$ 9,5 milhões), sistema de aeração (R$ 7,0 milhões) e impermeabilização do tanque de aeração (R$ 400 mil). Além disso, estão em andamento os processos licitatórios, envolvendo o sistema de alta tensão (R$ 1,7 milhão), decantadores com dois raspadores, sendo um de escuma de 36m de diâmetro e um de lodo, com 4,5 de profundidade (R$ 1,35 milhão), estação preliminar e urbanização (incluindo desarenadores, novas comportas e novas peneiras fina e grossa (R$ 1,5 milhão).

O prefeito Edson Piriquito afirma que a matéria da Veja comprova que Balneário Camboriú está na direção certa, priorizando o saneamento básico e o tratamento de esgoto, antecipando-se às próprias metas do governo federal em 20 anos. “Segundo declarações do secretário ambiental do Ministério das Cidades, Leodegar Tiscoski, somente em 2030 o Brasil deverá atingir 88% de eficiência em tratamento de esgoto, nós estamos adiantados nisto e pensando cada vez mais em obras de saneamento por toda a cidade”, destacou o Prefeito que acrescenta, “o invesvimento na nova ETE é pesado, mas compensador, pois traz resultados excepcionais para dar a Balneário Camboriú um requisito forte de qualificação ao desenvolvimento sustentável”, finalizou o chefe do executivo municipal.


COMENTE ABAIXO ⬇

Fique bem informado com as notícias do Click Camboriú através do Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Dia das Mulheres: 100 leitoras serão presenteadas com 10 seções de depilação a laser na Maislaser

Ganham as 100 primeiras pessoas que ligarem para (47) 3011-0611 ou 3011-0211, ou entrarem em contato pelo WhatsApp 047 99273-2191
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.