Maré Alta deixa cerca de 200 desalojados e 62 desabrigados em Itajaí

Publicado em

- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

O trabalho da Defesa Civil e da Secretaria de Desenvolvimento Social foi intenso na madrugada desta quarta-feira (28). O nível do Rio Itajaí-Açú atingiu 1,20 metros após o pico de maré alta registrado das 23h às 3h, alagando diversas casas na parte baixa do bairro Cordeiros, principalmente na localidade da Murta. No final da tarde de ontem, diversas ruas no Centro também ficaram alagadas.

Cerca de duzentas pessoas ficaram desalojadas e 62 estão desabrigadas sob os cuidados da Secretaria de Desenvolvimento Social no abrigo do Salão Paroquial da Igreja da Murta. A Defesa Civil orienta para que essas famílias não retornem às suas casas, pois a situação deve ser repetir até amanhã. O próximo pico de maré será entre 12h e 16h com preamar de 1,10 metros e será o ponto mais critico deste evento podendo chegar a 1,50 metros o nível do rio Itajaí -Açú.

Hoje às 14h o Coordenador da Defesa Civil, Sérgio Murilo de Melo, fará um sobrevoo nas áreas de encostas e também nas regiões ribeirinhas. A meta é avaliar as condições das encostas e possíveis riscos para a população e os reflexos da maré alta.

Na última medição realizada às 6h o nível do Rio Itajaí Açú em Itajaí era de 0,29cm, e em Blumenau 5,46m. Já o Itajaí Mirim em Brusque às 8h estava com 2,60m.

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

- Publicidade -