Passa bem menino de 12 anos atacado por cão rottweiler

Publicado em

- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

O adolescente, que foi atacado pelo próprio cão, em Balneário Camboriú, passa bem. O jovem está recebendo um tratamento à base de antibióticos e ficará em observação por 48 horas.

O animal, da raça rottweiler, mordeu os braços e as pernas do jovem. Ele entrou na piscina para conseguir se salvar. O ataque aconteceu na manhã desta sexta-feira.

O menino de 12 anos chegou a ser arrastado pelo cachorro e sofreu duas fraturas. O cão foi anestesiado e encaminhado para uma clínica.

Segundo o veterinário Tubecauy Rosa, a alteração do comportamento pode ser um problema genético ou causado por fatores externos, como um treinamento inadequado ou o convívio com outros animais. O rottweiler foi isolado.

— Vamos deixá-lo assim por 10 dias porque pode ser uma enfermidade — justifica

O garoto está bem e passa por um tratamento com antibióticos. Ficará em observação por 48 horas.

Fonte: Diário Catarinense

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

- Publicidade -