- PUBLICIDADE -

Centenas de chilenos se desesperam em Balneário Camboriú

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

UniAvan oferta atendimento psicológico a profissionais da ONG Viva Bicho

A ação é realizada pelos acadêmicos dos anos finais do curso de Psicologia e visa o bem-estar das pessoas que trabalham diariamente com os animais

O terremoto que causou estragos no Chile e matou centenas de pessoas também trouxe problemas para cerca de 2 mil turistas chilenos em Balneário Camboriú, no Litoral de Santa Catarina. Os estrangeiros viajaram com pacotes de agências, e, terminado o prazo da viagem, não puderam podem voltar para casa. Muitos ficaram no Brasil sem dinheiro, comida e hospedagem.

É o caso de um grupo de 800 chilenos hospedados no Hotel Rieger, em Balneário Camboriú. Metade dos turistas foi remanejada pelas agências para outros hotéis e os outros 400 tiveram que sair dos quartos às 14h, quando acabava a diária. Eles ficaram cerca de cinco horas na rua, sem alimentação e sem rumo.

Os turistas entraram em desespero, sem conseguir resolver a situação. À tarde, as agências negociaram com o hotel para que eles pudessem permanecer no local. Após cinco horas de espera e agonia, eles finalmente voltaram para os quartos.

A situação é semelhante em cerca de 15 hotéis da cidade com turistas chilenos, nos quais as agências buscam negociar as estadias e também o impasse das refeições, que tem não são totalmente concedidas pelos hotéis — muitos oferecem apenas o café da manhã.

Para resolver este impasse, a prefeitura de Balneário Camboriú buscou ajuda do governo do Estado e se comprometeu a garantir as refeições de todos os turistas chilenos, que já devem jantar neste domingo em restaurantes da cidade.

Contato com as famílias

Além de terem que resolver os problemas com hospedagem e alimentação em Balneário Camboriú, muitos turistas enfrentam ainda a falta de informações de familiares no Chile. Neste domingo, o casal Ester Suazo e Javier Guzman, de Concepción, se emocionou ao conseguir notícias dos filhos, de 16 e 13 anos.

Fonte: Zero Hora

Foto: Guto Kuerten


COMENTE ABAIXO ⬇

Receba as notícias do Click Camboriú pelo Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Clínica de odontologia da UniAvan oferece atendimento para cirurgias dentárias

Os procedimentos gratuitos serão direcionados a cirurgias de extração de dentes, remoção de freio, raiz quebrada, tratamento de lesões na boca, dentre outros
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.