Carteira de motorista está mais cara

Publicado em

- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

A Carteira Nacional de Habilitação (CNH), ou renovação da mesma, já está mais cara em Balneário Camboriú. O aumento foi anunciado pelo Detran no final do ano passado e deixou muitos proprietários de auto-escolas preocupados com o reajuste de até 55%, dependendo da categoria.
A tabela não sofria reajuste desde 2007 e estabelece aumentos dos preços na primeira habilitação, adição de categoria e renovação da CNH. Na relação constam os preços máximos e mínimos que deverão ser adotados pelos centros de formações de condutores (CFCs).
De acordo com a tabela, o preço mínimo para a primeira habilitação será fixado entre R$ 867,83 para motos e R$ 1.074 para o condutor de automóveis. Quem tem que renovar a autorização terá que pagar entre R$ 110 e R$ 261. Já quem quer adicionar categoria às sua carteira terá que desembolsar o mínimo de R$ 440 e o máximo de R$ 967.
O delegado regional de Polícia Civil, Ademar Serafim, explica que o tabelamento dos preços foi necessário para acabar com injusta concorrência na cidade. De acordo com Serafim, algumas auto-escolas cobravam valores abaixo do preço de mercado para chamar a atenção dos clientes. Além disso, o serviço prestado não se adequava ao imposto pelo Detran. O delegado acredita que uma boa auto-escola é capaz de formar motoristas conscientes sobre os perigos de acidentes nas rodovias em geral.
Algumas auto-escolas, como a Stop, criticaram o aumento dos preços. De acordo com o diretor geral Mauro Correa da Silva, a educação no trânsito começa em casa e não em uma aula de condutor. “Não é preciso mexer no bolso do cidadão para formar um bom condutor. É a educação dele em casa que vai torná-lo um bom motorista”, disse. Silva explica que o preço antes cobrado para a obtenção chegava a ser R$ 500 mais barato que o atual. “O serviço é de muita qualidade. Tanto que vem cliente indicado por outros”, completou.
Em Balneário Camboriú a nova tabela de preço já está valendo. As auto-escolas cobram entre R$ 1.050 a R$ 1.090 a primeira habilitação para carros e a média de R$ 1.450 para carro e moto.

* Ricardo Zanon

Fonte: Tribuna Catarinense


Confira a nova tabela de preços

Primeira habilitação
Carro e moto
R$ 1.427,48 – * Mínimo
R$ 1.828,52 – * Máximo

Moto
R$ 867,83
R$ 1.086,38

Carro
R$ 1.074,05
R$ 1.359,59

Adição de categoria
Moto
R$ 441,38
R$ 540,67

Carro
R$ 598,50
R$ 748,83

Van
R$ 688,34
R$ 858,19

Caminhão
R$ 776,85
R$ 967,47

Ônibus
R$ 770,80
R$ 967,47

Renovação
Carteira anterior a 1998
R$ 215,40
R$ 261,04
Carteira após 1998
R$ 110,10
R$ 121,39

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

- Publicidade -