- PUBLICIDADE -

Defesas prevalecem e Barra FC e Guarani de Palhoça ficam no zero a zero

O jogo ficou marcado pelo respeito entre os dois clubes e as raras chances de gol

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Trader Jader Nogueira exibe ganhos milionários e contraria matéria do Fantástico

Publicação na rede social do influenciador viralizou e pessoas se identificaram

Barra FC e Guarani de Palhoça
Divulgação

O Barra FC e Guarani empataram em 0 a 0, no estádio Renato Silveira, em Palhoça, pela nona rodada do Campeonato Catarinense Série B. O jogo ficou marcado pelo respeito entre os dois clubes e as raras chances de gol – que, quando apareceram, não foram bem aproveitadas -, se traduzindo no placar em branco.

Na próxima rodada, na abertura do returno, o Barra FC viaja até o Oeste Catarinense para enfrentar o Concórdia, no domingo (13).

O jogo

Os dois times com propostas semelhantes, jogo com muita vertical e busca pelos flancos do campo. Semelhança também na parte defensiva, com ambas equipes marcando a partir da intermediária ofensiva, de forma bem compacta. Barra FC e Guarani se estudando bastante e os lances de perigo aconteciam nas jogadas de bola parada nos primeiros 15 minutos.

A partida seguia muito equilibrado e com vinte minutos nenhuma chance clara em nenhuma das duas metas. A melhor oportunidade veio em um contragolpe aos 27 minutos. Jean Carlos acionou Luiz Renan pela direita, o meia levantou para Careca, que finalizou rente a trave adversária. Cinco minutos depois, foi a vez do Guarani de Palhoça ter sua chance. Cleiton Garcia aproveitou falha defensiva, mas finalizou para fora.

O jogo ficou um pouco mais aberto, com as chances aparecendo principalmente pelos lados. Luiz Renan teve nova oportunidade dentro da área, mas pegou embaixo da bola no momento da assistência, quando buscava Careca. Aos 41, a melhor chance do jogo, novamente com Jean Carlos e Luiz Renan, que obrigou o goleiro a fazer boa defesa. Três minutos depois, em belo contragolpe, Jhonata serviu Jean Carlos, que bateu por cima do gol rival.

Segundo tempo

O Guarani voltou um pouco mais ofensivo, com a entrada de Vinicius na vaga de Amorim. O lado direito da equipe palhocense era o ponto forte, sobretudo com o lateral-direito Cleiton. O Pescador buscou o contra-ataque, com a velocidade dos homens de frente. Aos nove, oportunidade incrível desperdiçada pelo Barra FC, Luiz Renan levantou na área, Jean Carlos cabeceou nas redes, pelo lado de fora.

O equilíbrio era a marca do confronto, mas o time de Balneário Camboriú incomodava um pouco mais na transição ofensiva, uma vez que o Guarani de Palhoça deixava espaços quando avançava. Aos 15, em levantamento de Jhonata, Gabriel Silva finalizou dentro da área, mas travado pela marcação. No contragolpe, o Guarani também chegou, Bruno finalizou e balançou as redes, mas pelo lado de fora, aos 18.

As duas defesas bem postadas seguiam dominantes, as chances perigosas eram raridades, com poucas finalizações obrigando os goleiros a trabalharem de fato. Os dois times fizeram alterações, mas o jogo seguiu a mesma toada, truncado, com os defensores sobressaindo.


COMENTE ABAIXO ⬇

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

UniAvan promove plantão de matrículas neste sábado com desconto exclusivo

Novos alunos ganharão desconto de 20% na primeira mensalidade de cursos presenciais; Quem optar por graduação EAD começa a pagar só em julho de 2021
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.