- PUBLICIDADE -

Amor e Dor leva o prêmio do Cinerama.BC

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

UniAvan oferta atendimento psicológico a profissionais da ONG Viva Bicho

A ação é realizada pelos acadêmicos dos anos finais do curso de Psicologia e visa o bem-estar das pessoas que trabalham diariamente com os animais

O longa metragem francês Amor e Dor (Love & Bruises) do diretor chinês Lou Ye foi o grande vencedor do prêmio Coruja de Ouro 2012, segundo o júri da 2ª edição do Cinerama.BC que aconteceu no Cine Itália, do dia 04 a 08, em Balnéario Camboriú. Já o filme aclamado pelo público foi o sul africano Otelo em Chamas (Otelo Burning), de Sara Blecher.

A diretora Hélena Klotz, do filme A Idade Atômica e o diretor Theo Solnik, do filme Anna Pavlova Vive em Berlin, estavam presentes para receber seus prêmios. Os troféus de melhor filme e melhor atriz do filme Amor e Dor foram recebidos pelo distribuidor do filme Jean Thomas Bernardini, da Imovision.

Melhor curta
Os Telefericos, de Federico Actis, filme argentino

Longas
Melhor filme segundo o júri popular: Otelo em Chamas
Melhor ator : Eliott Paquet, do filme A Idade Atômica
Melhor atriz: Corinne Yam, do filme Amor e Dor
Prêmio Cinerama.BC Especial do Juri : Anna Pavlova Vive em Berlin
Melhor diretor: Hélena Klotz, filme A IIdade Atômica
Melhor filme segundo o júri: Amor e Dor, filme francês do diretor chinês Ye Lou

Curiosidades

– A sessão de abertura com o filme Câmera Escura, da espanhola Maru Solores, teve a primeira exibição mundial no Cinerama.BC

– O filme O Mundo em Duas Voltas – do diretor catarinense David Schürmann, contou com 150 pessoas na sessão, entre elas crianças da Rede Municipal de Ensino de Balneário Camboriú. Após a sessão houve debate com o diretor, homenageado da Mostra Catarina.

– A sessão com maior público do festival foi a do filme Otelo em Chamas, que foi aclamado pelo público após a apresentação e levou o prêmio do juri popular.

– Na sexta-feira, dia 06, foi o dia da Residência Cinerama.BC apresentar a palestra sobre Novas Mídias com os diretores Rubens Velloso e Marcos Azevedo, da Companhia Phila 7. A discussão de novos formatos e modos de exibir e entender a imagem gerou discussão e abriu novos horizontes para o público.

– A sessão de encerramento e premiação teve a exibição do curta-metragem realizado pela Oficina de Realização 2012 que aconteceu paralelamente ao festival. O longa de encerramento foi Onde a Terra Acaba, e houve debate após a sessão com o diretor Sérgio Machado, homenageado da Mostra Internacional.

Homenageados da edição 2012 do Cinerama.BC (todos presentes durante todo o festival)

– Os diretores Marcos Azevedo e Rubens Velloso da Companhia Phila 7, homenageados da mostra novas midias
– David Schürmann, diretor catarinense homenageado da Mostra Catarina
– Sérgio Machado, diretor e membro do júri de longas-metragens, homenageado da Mostra Internacional

Jurados

Juri de Curtas-metragens: o diretor Francisco Garcia, a diretora de arte Mônica Palazzo e o roteirista Filipe Domiano.
Juri de Longas-metragens: a jornalista Caroline César, o diretor Rodrigo Grota, a atriz e diretora Christiane Tricerri, o crítico e escritor Rodrigo Fonseca e o diretor Sérgio Machado.

Os vencedores

“Amor e Dor”, escolha do júri oficial como melhor filme do 2º CineramaBC, conta a história de Hua, uma estudante chinesa que se mudou para Paris e conhece Matthew, um jovem trabalhador com quem vive uma relação contraditória de paixão e amor, agressividade e posse, diferenças e afinidades.

“Otelo em Chamas”, escolha do público, traz o drama de um garoto sul africano que descobre a paixão e o talento para o surfe aos 16 anos num cenário nada amistoso de revolta e violência que domina o país em 1989. O filme alterna cenas de surfe e liberdade com outras de preconceito e sofrimento.

Também participaram do festival Heloísa e Wilfredo Schurmann, que estavam presentes quando o filho/cineasta David apresentou seu filme  “O Mundo em Duas Voltas”, documentário sobre uma das aventuras da família pelo mar.

O 2º Cinerama.BC contou com as mostras competitivas de longas e curtas internacionais, mostra catarina de curtas, filme de animação, filme infantil, debates, oficinas, palestras e muita troca de informações entre o público e os participantes. Foram cinco dias de programação intensa, e em grande parte inédita no cenário nacional. A idéia é manter o CineramaBC como atração fixa no calendário cultural da cidade. Os organizadores Bárbara Sturm e André Gevaerd já começaram a pensar a edição 2013.


COMENTE ABAIXO ⬇

Receba as notícias do Click Camboriú pelo Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Clínica de odontologia da UniAvan oferece atendimento para cirurgias dentárias

Os procedimentos gratuitos serão direcionados a cirurgias de extração de dentes, remoção de freio, raiz quebrada, tratamento de lesões na boca, dentre outros
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.