- PUBLICIDADE -

Navegay acontece na segunda-feira (20)

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

UniAvan oferta atendimento psicológico a profissionais da ONG Viva Bicho

A ação é realizada pelos acadêmicos dos anos finais do curso de Psicologia e visa o bem-estar das pessoas que trabalham diariamente com os animais

A tarde de segunda-feira (20) promete ser de muita alegria e irreverência no município de Navegantes. Com saída em frente à praça do ferry-boat em direção à praia, a partir das 15h, entra na avenida o maior bloco de sujos do Sul do país, o Navegay. A festa vai ser embalada por trios elétricos, que terão bandas e DJs para animar a galera.

O Navegay iniciou em 1978, com um grupo de oito integrantes da família Souza, do bairro São Domingos. A turma queria se divertir na segunda-feira de carnaval, e resolveram se fantasiar de mulher e sair pelas ruas da cidade. Segundo Osair Souza, o primeiro nome do bloco foi “Banho da Dorotéia”, pois o grupo já fantasiado saiu em cima do caminhão de Norival Souza, com destino à praia central do município. Ele explica que no ano seguinte, o Grupo que já ganhava alguns simpatizantes, era chamado apenas de “Bloco da Dorotéia”.

Foi no ano de 1980, ano em que a escola de Samba Unidos de São Domingos foi fundada, que o “Bloco da Dorotéia” ganhou mais força, quando muitos componentes da agremiação resolveram sair também no bloco de sujos. Nesta época, o nome do bloco havia se transformado em “Naveguei”, no sentido de navegar, pois o grupo, que já envolvia componentes de todo o município, passou a atravessar o Ferry Boat e desfilar pelas ruas de Itajaí.

Com o passar dos anos, as mulheres começaram a participar também e o bloco ficou conhecido como “Navegay”, devido às fantasias de sexo oposto que os integrantes usavam.

A cada ano, mais pessoas começaram a participar do bloco, que passou a desfilar somente em Navegantes. 34 anos mais tarde, aquele que era um pequeno grupo de família, se transformou no maior bloco de sujos de toda a região, atraindo turistas do país inteiro. “É uma brincadeira super sadia, que reúne várias gerações de famílias, pois é muito comum encontrarmos na avenida avô, pai e filhos participando da festa”, comenta Osair. Ele finaliza dizendo que a família Souza sente uma emoção muito grande quando vai para as ruas acompanhar o Navegay, que como ele mesmo diz, “nós vimos nascer”.


COMENTE ABAIXO ⬇

Receba as notícias do Click Camboriú pelo Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Clínica de odontologia da UniAvan oferece atendimento para cirurgias dentárias

Os procedimentos gratuitos serão direcionados a cirurgias de extração de dentes, remoção de freio, raiz quebrada, tratamento de lesões na boca, dentre outros
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.