- PUBLICIDADE -

Camboriú recebe projeto que transforma geladeiras em estantes de biblioteca

As 'Gelotecas' tem o objetivo de incentivar a leitura entre todas as pessoas da comunidade e de forma gratuita

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Dia das Mães: Maislaser vai presentear 100 pessoas com 10 sessões de depilação a laser

Ganham as 100 primeiras pessoas que ligarem para (47) 3011-0611 ou 3011-0211, ou entrarem em contato pelo WhatsApp 047 99273-2191

unnamed 15 e1492104007505
Divulgação

A partir desta semana, quem passar pela Prefeitura de Camboriú e Instituto Federal Catarinense (IFC) vai poder alimentar a sua criatividade e saciar a mente com os livros da Geloteca. Com o objetivo de incentivar a leitura entre todas as pessoas da comunidade e de forma gratuita, a Fundação Cultural aderiu à ideia da “Geloteca” e transformou cinco geladeiras velhas e sem uso em estantes de biblioteca. As primeiras já foram instaladas e as próximas devem aparecer ainda esse mês nos bairros Rio Pequeno, Monte Alegre e Areias.

O diretor de projetos e eventos da Fundação Cultural, Luiz Antonio Tecau, ressalta que este é um projeto importante por envolver sustentabilidade e incentivo à leitura. Ele conta que o momento é de observar como será a relação da comunidade com as Gelotecas. “Vamos ver a partir deste primeiro mês como vai ser essa procura, se o pessoal vai interagir. Como as Gelotecas estarão em vários pontos da cidade, também vamos poder avaliar qual delas terá mais acesso”.

A Geloteca pode ser utilizada por qualquer pessoa da comunidade, não há necessidade de cadastro para o empréstimo de livros, nem prazos estabelecidos para a devolução dos mesmos. Além disso, as pessoas podem fazer doações. A dona de casa, Lucy Meire da Veiga, 54 anos, estava na Prefeitura com a sua neta Laura, de 3 anos, quando colocaram a Geloteca. Elas foram as primeiras munícipes a usufruir do projeto. “Minha neta gosta dos livros, principalmente com desenhos, adorei a ideia, muito legal”, comenta.

Tecau também conta como foi o processo de criação das Gelotecas. “As geladeiras utilizadas estavam para descarte e foram doadas por pessoas que quiseram contribuir com o projeto. Com ajuda de voluntários elas foram lixadas, foram retirados os motores e depois de prontas customizadas, tudo feito na Fundação”, revela.

Parceria que abastece a Geloteca

Para viabilizar o abastecimento das Gelotecas, a Fundação Cultural utilizou exemplares que foram doados por populares e instituições parceiras. Uma delas foi a Livrarias Catarinense – que fez a doação de 120 livros e ainda vai doar mais uma cota para o projeto. O Lions Clube de Camboriú também gostou da ideia e vai ajudar com mais livros. “Essa parceria foi imprescindível para colocar conteúdo diversificado nas geladeiras e dar início ao projeto, toda a ajuda é bem vinda”, destaca. Quem tiver interesse em colaborar, com a doação de geladeiras usadas ou com livros, pode entrar em contato com a Fundação pelo telefone (47) 33365 1311 e colaborar com a expansão do projeto.


COMENTE ABAIXO ⬇

Receba as notícias do Click Camboriú pelo Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.