- PUBLICIDADE -

FCBC busca atrair produtores de cinema e TV para a cidade

Foi lançado um catálogo de imagens e textos e um filme com paisagens de BC, para a projeção da cidade mundialmente

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Camboriú Play recebe o youtuber Natan Por Aí nesta sexta-feira, 12

O podcast acontece ao vivo às 13h30, pelo canal do Camboriú Play no YouTube
(Divulgação)
(Divulgação)

A Fundação Cultural de Balneário Camboriú, como órgão de fomento da produção cultural local, acaba de promover dois produtos importantes para a projeção da cidade mundialmente.

O primeiro é um catálogo de imagens e textos que descortinam paisagens e elementos urbanos, em edição bilíngue e formato de bolso, concebido pela agência Inteligência Marketing.

O segundo é um filme de tirar o fôlego, com imagens lindas, trilha instigante e ângulos inusitados de Balneário Camboriú. A produção é da Núcleo Filmes. As duas empresas que desenvolveram o material são de Balneário Camboriú.

Estes produtos já estavam listados no rol de prioridades da Fundação Cultural, e sua execução foi instigada pela BC Filme e pela Câmara Setorial de Audiovisual. O livreto e o filme foram apresentados este fim de semana durante o Workshop da BC Filme que termina no domingo após a exibição de seis filmes/curtas e longas, palestra do americano Steve Solot, diretor executivo da Rebrafic/Rede Brasileira de Film Commissions e presidente da Rio Film Commission, além da Oficina de Formatação de Projetos para o Edital Prodav/TVs Públicas, com Henry Grazinoli e da conversa com Edinho Costa, da Unidade Técnica do Escritório Regional Sul da Linha de Produção de Conteúdos Destinados às TVs Públicas – Prodav/FSA/Ancine.

O presidente da Fundação Cultural, Anderson Beluzzo, revela que o filme será lançado oficialmente na próxima quinta-feira, 3 de março, durante o 1º Inspira + Conecta, workshop do Balneário Camboriú Criativo – BC Criativo que acontece de 3 a 5 de março no Campus da Univali com a presença de importantes palestrantes e painelistas, como Lala Deheinzelin e Sérgio Luiz Gargioni, presidente da Fapesc.

“Estes dois produtos têm como objetivo dar visibilidade ao potencial criativo de Balneário Camboriú, evidenciando possibilidades para esse mercado do audiovisual. Por meio da BC Filme, a Fundação Cultural tem buscado a viabilização de instrumentos para valorização deste segmento econômico que compõe a economia criativa”, avalia Beluzzo.

E a BC Filme, o que faz?

O trabalho da BC Filme é facilitar o acesso às informações sobre tudo o que tenha a ver com produções cinematográficas, estreitando a rede e o relacionamento entre estas personas, com foco central na promoção de Balneário Camboriú e região como celeiro de locações perfeitas para curtas, longas, documentários e demais produções. De quebra, a cidade e região oferecem infraestrutura e profissionais capacitados nas mais diversas áreas do setor. Saiba mais sobre esse coletivo no sitebcfilme.com


COMENTE ABAIXO ⬇

Telegram: participe do canal do Click Camboriú

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de Balneário Camboriú e região em seu e-mail.

⚠ Confirme na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Como a cannabis medicinal tem ajudado famosos e não famosos

A Huniq, empresa de cannabis medicinal instalada em Itajaí, é responsável pelo tratamento das quatro histórias apresentadas nessa reportagem
- PUBLICIDADE -