- PUBLICIDADE -

Passei 30 dias na Ásia

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Curso de Gastronomia da UniAvan é reconhecido com conceito 5

Infraestrutura moderna, formação dos professores e possibilidades de estágios internacionais são alguns dos diferenciais destacados

buda
Buda

Se eu puder recomendar uma viagem para ser feita antes de morrer, a Ásia é a minha indicação. Estive lá por 30 dias em cinco diferentes países, mas, independentemente de quais eram, o continente em si é uma ótima opção para vivenciar algo muito distante da nossa realidade. A cultura, os hábitos e o jeito de ser são totalmente diferentes dos nossos. E estar de coração e mentes abertos para toda esta descoberta é o grande segredo para uma viagem inesquecível.

Conhecedor de quase 30 países, diria que esta foi a melhor trip da minha vida. Fui na companhia de dois amigos e cada hora foi intensa, mágica, repleta de aventuras e felicidade. Tanto é verdade, que já estamos nos organizando para nova ida em 2018. A intenção é conhecer outros cinco países asiáticos e experimentar mais um pouco da atmosfera oriental.

Passamos agora por Tailândia, Indonésia, Malásia, Cingapura e Filipinas. Nadamos com elefantes, comemos comida estranha, navegamos num mercadão sobre as águas de um rio e vimos de perto a modernidade de algumas metrópoles, além dos costumes milenares de pequenas aldeias.

Compramos as passagens com um ano de antecedência. Para começar, os trechos internos na Ásia (algo muito barato, no máximo US$ 30). Depois, com milhas, adquirimos os tíquetes saindo do Brasil. Os hotéis, dividindo com a Thábata e o Tércio, custaram R$ 700 para cada (reais, isso mesmo!). Levamos ainda cada um cerca de US$ 1,5 mil para passar os dias lá. A média desta viagem ficou em torno de R$ 4,8 mil (novamente em reais). Ou seja, nada muito absurdo, que fuja da realidade de uma grande viagem internacional.

Sabendo disso, se eu fosse você, começaria a me programar. Como já disse, eu voltarei e já conto as horas para encarar novamente este roteiro. 

 

Rapidinhas sobre a Ásia

aviao1– A viagem é longa. Esteja preparado para várias horas de voo. Saí de Navegantes para Guarulhos, depois Londres, Helsinki, e enfim Bangcoc, na Tailândia. Quase 30 horas entre avião e aeroportos. O retorno não é diferente. Saímos de Manila para Dubai, depois São Paulo e Navegantes.

comida– A comida é diferente, sim. Mas se você ficar nas cidades mais turísticas, tem comida padrão internacional. Mas pelo menos experimentar uma iguaria ou outra faz parte do ritual de todo viajante!

 sarongue– Esteja pronto para o novo, para o diferente. Você terá que usar sarongue, pintar o rosto, entrar em um carro em que o motorista dirige no lado direito, ver alguns animais selvagens domesticados… Enfim, abra sua mente e “mergulhe” nesta aventura.

– A religião na Ásia é diferente da nossa. Esteja pronto para seguir estes costumes, em sinal de respeito e de segurança. Ao escolher os países que for visitar, faça aquele levantamento de dados na internet para saber mais antes de chegar lá!


COMENTE ABAIXO ⬇

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Comece bem o verão com marmitas caseiras da Light Food BC

Por sua qualidade de vida e saúde, nos dias quentes mantenha uma alimentação saudável com as marmitas da Personal Chef Fit Kris Borba
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.