Vagas para deficientes físicos não são respeitadas

Publicado em

- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

Na tarde desta quinta-feira (10) fui na Caixa Econômica Federal. Chegando lá, observei a discussão de uma senhora com um motociclista, por causa de um carro que estava estacionado em uma vaga de deficiente físico. Para a surpresa de todos, nem o adesivo de deficiente tinha o carro. Pensei que era turista, mas o manézão tinha placa aqui de Camboriú.

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

- Publicidade -