Vandalismo ou falta de manutenção?

Publicado em

- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

Telefones Públicos

Ao passar pela Av. Atlântica frente ao n° 2892, na noite de 05/07/2010 por volta das 20:00hs, um telefone público caído ao chão chamou a atenção. Este foi arrancado ou caiu? Basta saber se por vândalos ou por sua estrutura precária, deteriorada pela ferrugem, carente de manutenção. Outros dois aparelhos também chamaram a atenção dois telefones que faltavam o gancho que foram arrancados.

Agora impossível é contabilizar quantos telefones estão quebrados, fiz um teste 10 amostras que eu peguei 02 funcionavam perfeitamente, 05 constavam a mensagem que estavam em manutenção e 01 apareceu vários caracteres na tela, 02 estavam com números emperrados pela oxidação. Outro detalhe muitos não possuem o numero da unidade para poder ser aberto o chamado de reparo. Sendo que a OI não abre o chamado de reparo se não tiver o número do telefone com defeito. Estou pensando em pegar alguém do além para me dizer os números.

A imprensa local, embora tenha dado toda a atenção para o fato, poderia informar aos usuários prejudicados que deveriam ligar para 10314 e após 24 hs do chamado se o telefone não fosse concertado ligar para a Anatel 133 e repassar o caso à eles, pois quanto mais reclamações eles possuírem, melhores telefones teremos, pois se as operadoras não cumprirem a meta eles correm o risco de perder a concessão.

Segurança

Outro ponto que quero ressaltar é a falta de segurança no município. Caminhei da rua 3300 até a barra norte e apenas presenciei um policial na Praça Almirante Tamandaré (posto policial), nem se quer uma viatura passou pelo local, porém se nós tivéssemos a mesma quantidade de policiais quanto temos de traficantes que estavam na Av Atlântica estaríamos seguros, isso sem falar os usuários de drogas que estavam no local e moradores de rua.

Jonatas JP

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

- Publicidade -