Barco Pirata quase atropela praticante de stand up paddle na Barra Sul

A moça precisou pular da prancha e nadar desesperadamente rápido para não ser atingida pela embarcação

Por pouco, por muito pouco, praticante de stand up paddle não foi atropelada pelo barco pirata, na Barra Sul.

A moça precisou pular da prancha e nadar desesperadamente rápido para não ser atingida pela embarcação.

O que disse o Barco Pirata sobre o caso:

“Diante desta publicação, esclarecemos que o Barco Pirata realiza os passeios turísticos em Balneário Camboriú desde de 1983, e para conhecimento de todos só existe um canal que da profundidade suficiente para passagem de grandes embarcações (como a do Barco Pirata), todos os outros lados são cheios de lama, areia e pedra impossibilitando outra rota. Somos certificados pela Marinha do Brasil e possuímos todos as autorizações para navegação em nossa cidade.
Por fim, ao mesmo tempo que lamentamos que este banhista esteve localizado em lugar perigoso e irregular, estamos felizes que nada de grave tenha ocorrido.”


COMENTE ABAIXO ⬇

resposta(s) publicada(s). (Obs.Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site)