- PUBLICIDADE -

Deputado Roberto Salum ameaça processar Castanheira em grupo de WhatsApp

Roberto Salum ameaçou processar Gabriel Castanheira por dizer que políticos mentem e se escondem atrás da imunidade parlamentar

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

UniAvan oferta atendimento psicológico a profissionais da ONG Viva Bicho

A ação é realizada pelos acadêmicos dos anos finais do curso de Psicologia e visa o bem-estar das pessoas que trabalham diariamente com os animais

salum x castanheira
O jornalista e deputado estadual Roberto Salum e o secretário de segurança pública municipal Gabriel Castanheira.

Uma discussão em um grupo do WhatsApp da Guarda Municipal de Balneário Camboriú direcionado à jornalistas fez algumas cabeças esquentarem na manhã desta segunda-feira (11). Tudo começou quando, na tarde de domingo (10), o secretário de segurança pública municipal, Gabriel Castanheira, publicou um vídeo com uma crítica ao vereador Leonardo Piruka, intitulado “desmentindo o vereador Piruka sobre o aumento da Cosip”, gravado pelo jornalista Waldemar Cezar Neto, do jornal Página 3.

Na noite do mesmo dia, às 22h46, o jornalista e deputado estadual Roberto Salum indagou o motivo daquele vídeo ter sido compartilhado em um grupo que tem um propósito mais específico, que é informar jornalistas sobre as ocorrências da Guarda Municipal.  – Não entendi pq notícia do vereador Piruka, nesta sala. Desculpa mas nada haver, página da GMBC. ABS – disse Salum.

Foi pra todos os contatos do telefone – respondeu Castanheira. – Estamos fazendo uma campanha de conscientização das pessoas em relação a políticos ! Mil perdões aos integrantes do grupo – continuou. – Políticos que mentem sem responsabilidade alguma , e se escondem atrás da imunidade parlamentar – completou o secretário.

Se a intenção é usar este espaço para isto, o lógico seria o vídeo ser do próprio secretário de Segurança, do prefeito ou um porta-voz autorizado. Até para ser usado pela própria imprensa e integrantes. Concordo com o Salum. E me parece um tema avesso ao que tratamos aqui – interveio o jornalista Aderbal Machado.

Já disse que mandei para a lista de contatos ! E não tive o cuidado de excluir os grupos , já pedi desculpas e acho que a importância tá muito grande pro tamanho do assunto – insistiu Castanheira.

É a partir desse ponto que Salum perde a linha e leva a discussão para outro nível, ameaçando processar o secretário de segurança pública: – Meu caro, na qualidade de jornalista e radialista estas perdoado, na como estou como deputado, vc precisa nominar os ‘políticos que mentem sem responsabilidade alguma, e se escondem atrás da imunidade parlamentar’ . Afirmação leviana que confidencial a opinião pública colocando todos políticos na vala comum. É por estas e outras que os honestos estão pagando pelos desonesto. Assim sendo, vc precisa nominar aqui quem são os políticos que mentem s se escondem atrás da imunidade parlamentar. Eu não me presto a tamanha ignorância é muito menos me falar com os meus 49 anos de registro profissional de muita luta, sem nunca ter recebido de quem quer que seja um centavo fora do meu trabalho. Ou tu faz a nominata aqui ou vou te interpelar judicialmente para fazê-lo. Chega de falar desclassificando pessoas como eu que em um mês dos seis que vou passar combatendo os erros de parlamentares. Vou te dar única oportunidade de aqui se manifestar, ou pagaras com teu salário indenização pela irresponsabilidade, aí tu vai ver a irrelevância do assunto. Roberto Salum.

A discussão continuou com Castanheira respondendo que nunca se colocou à vala comum quando policiais são estigmatizados. – Várias vezes vi policiais serem rotulados como criminosos , e nunca me coloquei na vala comum pq lá não estou! Não preciso da sua oportunidade, fique totalmente a vontade de me interpelar judicialmente e lembre se o processo não liberta aprisiona!

Ok pessoas como vc precisa ser corrigido sobre pena de cometer mais injustiças, será acrescentado TB a nominata de policiais torturados. Tua fala e genética é tem que ser corrigida, aguarde. Não demorará para eu te corrigir e depositar para uma entidade filantrópica de BC o ganho da causa – ameaçou Salum à Castanheira.

O jornalista Rafael Weiss também interveio à discussão: – Meu Roberto Salum, que piti que vc teve mais nadavê. Ou você não tem maturidade para ser jornalista ou para ser político. O cara se desculpou primeiramente. Segundamente, vc vai processar o vazio, vai processar o genérico, não tem materialidade. Terceiro, aproveite que vc está deputado estadual e vai pra tribuna da casa legislativa e denuncia esse governo incompetente do Raimundo Colombo, que deve 700 milhões na saúde, que sucateou a educação, que não tem dinheiro hj nem pra abastecer automóveis da PM, que não paga os artistas os editais da cultura. Eu como cidadão exijo que vc trabalhe como deputado e pare de fazer Chacrinha em grupo de Whatsapp, pois sou eu um dos que paga seu rico salário na assembleia. Aproveito e parabenizo pelos 49 anos de registro profissional. Um abraço e acompanharei seu desempenho na Alesc nos próximos dias.

Se tu acha que isto é genérico guarda este conceito para vc. Se tu não tem noção jurídica é perdoável. Divulgar que políticos mentem e se escondem atrás de impunidade parlamentar, e permitir que eu me inclua nesta calúnia e difamação. O restante mande o tua linha direta que te responderei linha por linha tua manifestação. Não sou filho de pai assustado. Veja meu face e aplauda por eu ser o deputado mais atuante em um mês. O resto aqui não é apropriado para te responder pq é sala informação. Me manda tua linha direta que tuas alfinetadas e opinião são pequenas para meu currículo, aguardo. Pode ser teu whatsapp, já é o suficiente. Aí te respondo a altura. Em tempo. Dei oportunidade a ele se retratar, não o fez assim o fará em outra instância, aí vai lá defender ele tb – bradou Salum, com soberba.

Alguns jornalistas tentaram alertar Salum de que ele estava fazendo um “auê” desnecessário no grupo, como a jornalista Slain Franco: – Uma crítica só afeta quem se enquadra no alvo. Seja na área da segurança, da política ou jornalismo…existem os corruptos e péssimos exemplos. Se a pessoa não se enquadra nessa ‘vala’, não precisa perder tempo causando um auê desse tamanho. Se possível, levar essas discussões, que já foram pro lado pessoal, para o privado. E deixem o pessoal da GM trabalhar e informar nós, jornalistas, das ações realizadas nos últimos dias. – Weiss também criticou: – Roberto Salum que perdoa como jornalista, mas como político vc tá fazendo uma tempestade em copo d água. Por vc estar politico se queimou a toa, parece que te serviu a carapuça, sei que vc é um homem que é brigador, mas estais levando isso para um lado totalmente horrível e desnecessário.

A discussão só terminou após o comandante da Guarda se manifestar: – Roberto Salum bom dia; Sou o Guarda Municipal Coutinho e estou como Comandante da guarda de Balneário Camboriú. Lendo todas as postagens verifiquei que houve um equívoco o qual já foi retratado no mesmo meio de comunicação. Esta discussão não haverá fim pois todos nós temos pontos de vista diferentes. Como também já postado, esse grupo é para divulgação do trabalho realizado pela GMBC, e não para outros assuntos. Peço a todos que se atenham apenas ao trabalho prestado pela Guarda Municipal caso contrário não há motivos para permanecerem neste grupo.

Será que Roberto Salum processará Gabriel Castanheira por dizer que políticos mentem e se escondem atrás da imunidade parlamentar? E se processar, será que Salum ganha a causa, como ele mesmo, com toda sua altivez, garantiu que ganharia? Somente o tempo dirá…


COMENTE ABAIXO ⬇

Receba as notícias do Click Camboriú pelo Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Clínica de odontologia da UniAvan oferece atendimento para cirurgias dentárias

Os procedimentos gratuitos serão direcionados a cirurgias de extração de dentes, remoção de freio, raiz quebrada, tratamento de lesões na boca, dentre outros
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.