- PUBLICIDADE -

Descontente com nomeações, PROS rompe com a base do governo

O presidente do partido alegou "quebra da ética e compromisso com as promessas de campanha" por parte do prefeito

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

UniAvan oferta atendimento psicológico a profissionais da ONG Viva Bicho

A ação é realizada pelos acadêmicos dos anos finais do curso de Psicologia e visa o bem-estar das pessoas que trabalham diariamente com os animais

pros rompe
PROS rompeu com a base do governo.

O presidente do PROS – Partido Republicano da Ordem Social – de Balneário Camboriú, Eduardo Gomes Charão, comunicou na manhã desta segunda-feira (9) o rompimento do partido com a base do governo.

Eduardo alega “quebra da ética e compromisso com as promessas de campanha” por parte do prefeito Fabrício Oliveira, ao prometer que secretarias não seriam divididas entre partidos e políticos, e os escolhidos para cargos seriam todas escolhas técnicas, debatidos junto com os partidos da coligação e seus membros.

Charão não deu nome aos bois, mas lamenta a nomeação de “velhos caciques da política”, “seres inaptos para função” e “apoiadores de invasões em escolas e Universidades”.

Além do desligamento, o presidente do partido – que possui 30 filiados em Balneário Camboriú – tenta ainda convencer os partidos que estão descontentes com as nomeações a aderir o movimento. “Pois o Ideal era para buscar melhorias para nossa sociedade, ideias novas e mudanças firmes e corajosas, uma política voltada para a sociedade e não para os interesses políticos visando à mesmice de sempre e a ganancia pelo poder”, declarou Charão através de nota pública.

Oposição

Do lado da oposição, surfando na onda de Charão, o vereador Piruka (PP) também se manifestou. Ele disse que está acompanhando os primeiros dias do atual governo e que muitas coisas defendidas pelo Prefeito Fabrício lhe agradaram, mas se diz triste ao ver que “as principais bandeiras defendidas pelo Prefeito Fabrício estão indo por água abaixo”. “As novas ideias se tornaram as velhas práticas! Não sei se as nomeações estão completamente erradas porém, as técnicas viraram entregas dos cargos aos políticos não técnicos! Lastimável!”, disse em uma postagem no facebook. “Mas vamos esperar o que mais virá nos próximos 89 dias”, finalizou.

Desfiliação

O descontentamento também atingiu filiados do PSB. É o caso de Thiago Fernando Sfendrych, que pediu desfiliação no mês de novembro, logo após as eleições. “Sinto uma profunda vergonha de ter feito parte do PSB, tristeza pelo discurso que não vem sendo aplicado. O carro chefe de nosso plano de governo era formar um grupo técnico, com base na meritocracia e numa tal certificação. Gostaria de saber cadê o conselho que iria sabatinar os cargos comissionados?”, publicou em seu perfil no facebook.

O prefeito Fabrício Oliveira ainda não se pronunciou a respeito dos fatos.


COMENTE ABAIXO ⬇

Receba as notícias do Click Camboriú pelo Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Clínica de odontologia da UniAvan oferece atendimento para cirurgias dentárias

Os procedimentos gratuitos serão direcionados a cirurgias de extração de dentes, remoção de freio, raiz quebrada, tratamento de lesões na boca, dentre outros
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.