- PUBLICIDADE -

Eleições: candidato é preso por compra de voto em Balneário Camboriú

Segundo denúncia, estava entregando santinhos junto com notas de R$ 50

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Desenvolva as suas habilidades e competências de Liderança

Programas de MBA e Masters da Tear Escola de Negócios englobam participantes com ou sem graduação e é semipresencial com duração de 12 meses

O candidato a vereador Jorge Otávio Cachel (PMDB) foi preso em flagrante na manhã deste domingo (2) por compra de votos em Balneário Camboriú. Ele foi detido em frente à Univali e levado ao fórum, onde permanece detido.

Segundo a denúncia recebida pela Polícia Militar, Cachel estava entregando santinhos junto com notas de R$ 50. Após abordagem, dinheiro e panfletos foram encontrados em seu bolso.

Se comprovado, a compra de votos pode levar o candidato a ser cassado ou do diploma, caso eleito, além de multa. Em algumas situações, cabe condenação de até quatro anos de prisão.

A decisão fica sob responsabilidade da Justiça Eleitoral.


COMENTE ABAIXO ⬇

Receba as notícias do Click Camboriú pelo Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Dia das Mães: Maislaser vai presentear 100 pessoas com 10 sessões de depilação a laser

Ganham as 100 primeiras pessoas que ligarem para (47) 3011-0611 ou 3011-0211, ou entrarem em contato pelo WhatsApp 047 99273-2191
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.