- PUBLICIDADE -

Policlínica de referência regional é uma realidade em Camboriú

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Comece bem o verão com marmitas caseiras da Light Food BC

Por sua qualidade de vida e saúde, nos dias quentes mantenha uma alimentação saudável com as marmitas da Personal Chef Fit Kris Borba

A construção de uma Policlínica de referência regional passou a ser uma realidade na noite desta segunda-feira, dia 28, quando a Prefeita de Camboriú Luzia Coppi Mathias, assinou a ordem de serviço que dá início à obra. O valor aplicado será de R$ 2.109.600,82 (Dois milhões cento e nove mil e seiscentos reais e oitenta e dois centavos) e contará com a parceria do Governo do Estado. O prazo de execução é de 18 meses.

“Estou muito feliz em autorizar a execução desta obra. Sem dúvida nenhuma a policlínica ficará para a história da nossa cidade, como um dos maiores investimentos na área da saúde”, declarou a Prefeita.

A obra contará com três pavimentos, sendo que no piso térreo, funcionará a policlínica, além da Farmácia Municipal, Controle, Regulação, Avaliação e Auditoria e o Departamento de Veículos. Já no segundo andar funcionará a administração da saúde juntamente com a vigilância sanitária e a vigilância epidemiológica. “No terceiro piso teremos um auditório, com capacidade para 200 pessoas para a educação continuada dos profissionais, juntamente com o controle social”, enfatizou a Secretária Municipal da Saúde, Márcia Freitag.

A policlínica será construída no centro da cidade, onde funcionava o antigo posto central, na Rua Porto Alegre, e atenderá a comunidade nas especialidades de angiologia, cardiologia, urologia, neurologia, otorrinolaringologia, dermatologia, endocrinologia, psiquiatria, ortopedia, oftalmologia, geriatria e pneumologia.


COMENTE ABAIXO ⬇

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Mesmo com a pandemia, coleta para reciclagem aumentou 31% neste ano

Ainda em 2019, a coleta de recicláveis deu um salto em BC em decorrência da implantação de novas políticas públicas
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.