- PUBLICIDADE -

Homem é preso após ameaçar esposa falando que esmagaria sua cabeça e depois cortaria fora

Mulher relatou que tem medo de que ele possa matá-la e também teme por sua filha

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Camboriú Play recebe o youtuber Natan Por Aí nesta sexta-feira, 12

O podcast acontece ao vivo às 13h30, pelo canal do Camboriú Play no YouTube

ITAJAÍ – Na noite de quarta-feira (06), por volta das 20h, a PM recebeu uma ocorrência de ameaça na rua José Henrique Flores, no bairro Ressacada. Ao chegar no local, a PM conversou com uma mulher de 30 anos que estava aparentemente com medo.

Ela relatou que há vários dias vem discutindo com o seu marido, pelo fato dele ser usuário de drogas e que naquele dia, quando chegou em casa, alguns objetos da sua casa haviam sumido. Ao questionar o seu marido, ele confessou que vendeu os objetos para comprar drogas.

Os dois começaram a discutir e o homem de 28 anos a empurrou. A mulher relata que ficou com muito medo de que seu companheiro a agredisse e por esse motivo saiu de casa e foi para a rua.

Quando seu marido percebeu que uma vizinha estava ligando para o 190, exigiu que ela entrasse em casa, porém ela negou a entrar e seu marido começou a ameaçá-la de morte, falando que esmagaria sua cabeça e depois iria “cortá-la fora”.

Ao ser abordado, o homem relatou que não houve nenhuma ameaça. A mulher por diversas vezes pediu para que garantissem que ele não voltaria mais para a sua casa, pois tem medo de que ele possa matá-la e também teme por sua filha, que estava presente no momento da briga.

Diante dos fatos, o homem recebeu voz de prisão pelo crime de ameaça no âmbito da Lei Maria da Penha e as partes foram encaminhadas à Central de Plantão Policial de Itajaí para as providências legais.


COMENTE ABAIXO ⬇

Telegram: participe do canal do Click Camboriú

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de Balneário Camboriú e região em seu e-mail.

⚠ Confirme na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Como a cannabis medicinal tem ajudado famosos e não famosos

A Huniq, empresa de cannabis medicinal instalada em Itajaí, é responsável pelo tratamento das quatro histórias apresentadas nessa reportagem
- PUBLICIDADE -