Divulgação

A Polícia Civil, por intermédio da DPCAMI de Itajaí (Delegacia de Proteção à Criança, Adolescente, Mulher e Idoso), cumpriu nesta sexta-feira, 22.fev.2019, mandados de prisão temporária de duas mulheres acusadas de estupro de vulnerável e subtração de menor. I.L.G.M., 28 anos, e V.F., 21, eram investigadas pela Polícia Civil do Ceará, que representou pelas prisões temporárias.

A investigação foi coordenada pelo delegado Hugo Leonardo de Lima Anastácio da Polícia Civil do Estado do Ceará. Com o inquérito policial concluído e diante das provas coletadas, as prisões foram decretadas pelo juiz da 2ª Vara da Comarca de Quixeramobim (CE).

A adolescente de 13 anos, vítima dos crimes apurados no Ceará e subtraída de seu lar, foi encaminhada ao Conselho Tutelar de Itajaí.

Nesta sexta-feira, agentes do Setor de Investigação da DPCAMI de Itajaí iniciaram as diligências para seu cumprimento e localizaram as duas mulheres no bairro Cordeiros. A abordagem e detenção ocorreu na casa onde elas residiam.

As investigadas, que chegaram em Itajaí há 10 dias, foram encaminhadas ao delegado Alexandre Carvalho de Oliveira, titular da DPCAMI, e posteriormente levadas Unidade Prisional.

A partir de agora, para acionar o ABRAÇO Animal basta ligar no 153.

Posted by Click Camboriú on Saturday, February 23, 2019


COMENTE ABAIXO ⬇

resposta(s) publicada(s). (Obs.Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site)