- PUBLICIDADE -

Detento é assassinado por enforcamento dentro do presídio

Dupla usou cordas feitas com tiro de lençol para matar o colega

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Maislaser vai presentear 100 pessoas com 10 sessões de depilação a laser em agosto

10 sessões de depilação a laser em uma área pequena! Não vai perder esse presentão, né?
complexo da canhanduba
O complexo da Canhanduba.

Um detento foi assassinado dentro da cela pelos próprios colegas na manhã deste domingo (17) no complexo Penitenciário da Canhanduba, em Itajaí. O homicídio na cela D27 foi descoberto durante uma inspeção de rotina.

Valcir Andrade de Freitas, de 32 anos, foi morto por Jaison de Almeira Machado, 32 anos, e Julio Cesar Machado, 30, que confessaram que o mataram enforcado usando cordas feitas com tiro de lençol.

A dupla não revelou o motivo do homicídio. Eles foram levados para a central de Plantão Policial e retornaram ao cadeião, enquadrados por mais este crime.

Preso em maio de 2012 em Penha, com meio quilo de pedras de crack, dois papelotes de cocaína e um revólver, Valcir e a esposa haviam sido apontados como responsáveis pela distribuição de crack no centro da cidade.


COMENTE ABAIXO ⬇

Telegram: participe do canal do Click Camboriú

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de Balneário Camboriú e região em seu e-mail.

⚠ Confirme na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Como a cannabis medicinal tem ajudado famosos e não famosos

A Huniq, empresa de cannabis medicinal instalada em Itajaí, é responsável pelo tratamento das quatro histórias apresentadas nessa reportagem
- PUBLICIDADE -