Traficante envolvido em morte de dependente químico é preso em Balneário Camboriú

Vítima foi morta com um tiro na cabeça por dívida com o tráfico

Publicado em

- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

A Polícia Civil, através da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Balneário Camboriú, prendeu Antony Correa Sales, 21 anos, na última quinta-feira (29), no bairro da Barra, em Balneário Camboriú.

Antony e outros dois homens foram investigados pelo assassinato de Marcelo Cardoso, na Avenida Hermógenes de Assis Feijó, no bairro da Barra, em 2014. Na ocasião, a vítima foi atingida por um disparo de arma de fogo e veio a óbito no local.

Os fatos aconteceram após o furto do celular de uma mulher que se encontrava em um ponto de ônibus. Segundo relato, Marcelo subtraiu o celular e fugiu, sendo alcançado por dois homens que estavam em um veículo GM/Celta, de cor prata. Eles fugiram e não foram identificados naquela oportunidade.

As investigações apuraram que Marcelo era dependente químico e teria uma dívida de drogas com os suspeitos. Eles foram identificados como Antony Correa Sales, Márcio Siqueira e um adolescente de 17 anos, assassinado no ano seguinte. Durante as investigações, Antony afirmou em interrogatório que correu atrás da vítima na companhia do adolescente de 17 anos, além de Márcio que dirigiu o veículo GM/Celta no momento da fuga. O menor teria dado um disparo acidental no momento em que tentou dar uma “coronhada” na cabeça da vítima.

O inquérito policial que investigou o caso foi finalizado e remetido ao Juízo da 1ª Vara Criminal de Balneário Camboriú que na última terça-feira expediu o mandado de prisão preventiva em desfavor de Antony.

Na tarde de quinta-feira (29), agentes da DIC cumpriram a prisão do acusado em sua residência, localizada na Rua Nagib Correa, no bairro da Barra. Ele foi encaminhado ao Complexo Penitenciário do Vale do Itajaí onde deve aguardar seu julgamento. O outro comparsa, identificado como Márcio Siqueira, também foi indiciado e se encontra preso no CPVI.

Em janeiro deste ano, Antony havia sido preso em flagrante pelos policiais da DIC, durante o cumprimento de um mandado de busca e apreensão em sua residência. A busca no local tinha por objetivo apurar o homicídio de Marcelo Cardoso.

Notícia relacionada:

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

- Publicidade -