Presos donos de loja de carros importados que aplicavam golpes em BC e em todo o país

Casal investigado pela DIC de Balneário Camboriú é preso por aplicar golpes em todo Brasil

Publicado em

- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

Ex-Masterchef ministra curso de risotos na UniAvan

Chef Victor Hugo Garcia irá ensinar cinco receitas de risotos e arancini; Vagas para o curso são limitadas

Divulgação

A Polícia Civil, através da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Balneário Camboriú, prendeu o casal Marco Antonio Zinsly, 49 anos, e Manuela Fontana Porton, 29 anos, na manhã desta quarta-feira (4), na cidade de Jaguaruna, no litoral sul catarinense. Policiais civis e militares de Jaguaruna também prestaram apoio aos agentes da DIC.

O casal era investigado há meses pela DIC em Balneário Camboriú, onde possuíam uma loja de carros de luxos denominada Ultra Import, localizada na Avenida do Estado. Os autores aplicavam golpes através da compra e venda de carros e motos de luxo, sendo a maioria deles importados.

Conhecido também como “Tony”, Marco Antonio Zinsly já havia aplicado golpes no estado de São Paulo, onde também foi investigado e preso pela Polícia Civil paulista em 2013. Na ocasião, foram recuperados nove carros importados de doze pessoas que foram vítimas de um golpe em uma loja em Indianópolis, zona sul de São Paulo.

No ano seguinte o golpista se instalou no município de Balneário Camboriú, começando a aplicar golpes no estado inteiro e também no Acre, Rondônia, Espírito Santo, Amazonas, Alagoas. Após investigações a DIC conseguiu juntar informações contundentes contra o golpista, e o Delegado Rodolfo Farah Valente Filho, responsável pelo caso, representou pela prisão do casal e pela busca e apreensão nos locais de sua propriedade.

Conforme apurado, os clientes procuravam o representante em sua loja para negociar a compra de um veículo de luxo. Moradores de outros estados também faziam contato com a loja, através de oferta atrativa anunciada na internet. Geralmente eram veículos de grande poder aquisitivo, como LandRover, Mercedes, BMW, Audi. O golpista aceitava carros importados usados como parte do pagamento, no entanto não cumpria com o combinado, e acabava ficando com o veículo usado e o dinheiro, não entregando os carros novos para as vítimas. Outros tipos de golpe também foram identificados, sendo um deles a compra e não pagamento do veículo por pagamento com cheques sem fundo.

No último mês de dezembro (19), o Juízo Criminal de Balneário Camboriú expediu os mandados de prisão preventiva e de busca e apreensão solicitados pela DIC. Na procura pelos investigados, foram recebidas informações que o casal havia se mudado para o litoral sul catarinense. Nesta quarta-feira (4), com apoio das polícias Civil e Militar de Jaguaruna, o casal foi localizado e preso em um residência localizada na Rua Osni Jose Gomes, no bairro Vila Paraíso. Foram apreendidos uma motocicleta BMW 1200 GS, objetos e documentos da residência. Também foram realizadas buscas na cidade de Balneário Camboriú.

O casal foi interrogado na tarde de ontem e posteriormente encaminhado aos presídios de Itajaí. Os veículos comercializados pelos golpistas não foram localizados, mas possuem busca e apreensão e restrições administrativas, e serão apreendidos na medida que forem localizados, não sendo possível para os atuais proprietários regularizarem os veículos junto ao Detran.


COMENTE ABAIXO ⬇

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

Jogaderia resgata cultura dos jogos de tabuleiro no Balneário Shopping neste final de semana

Evento especial objetiva conectar as pessoas e proporcionar experiências com jogos longe das telas eletrônicas
- Publicidade -