- PUBLICIDADE -

DIC de Balneário Camboriú esclarece homicídio ocorrido em 2009

Dois homens envolvidos em um homicídio praticado na cidade de Camboriú foram identificados

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Ednaldo e Sérgio
Ednaldo e Sérgio

A Polícia Civil, através da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Balneário Camboriú, identificou dois homens envolvidos em um homicídio praticado na cidade de Camboriú no ano de 2009.

Em agosto de 2009, André Hoegen Lopes, 24 anos, foi executado por disparos de arma de fogo em frente a um estabelecimento de eventos, localizado no bairro Rio do Meio na cidade de Camboriú. Com as primeiras informações colhidas no dia do fato, foi possível apurar que um veículo Opala, foi visualizado na cena do crime.

O caso foi repassado para a DIC que passou a investigar o caso e apurou que o motivo do homicídio seria o sumiço de aparelho de telefone celular, que supostamente fora furtado por André. A proprietária do aparelho, Santina Ferreira da Cunha, teria solicitado ao filho Sérgio Ferreira da Cunha, vulgo “Tedo”, e seu cunhado Ednaldo Noé Siqueira, vulgo “Bibo”, que dessem um “susto” na vítima pela suspeita do crime.

Foi apurado ainda que os autores atraíram André para que realizasse um serviço mecânico no Opala de Sérgio, e que ao término do conserto convidou a vítima e Ednaldo para testarem o veículo na Estrada Geral do Rio do Meio, contudo, o veículo não apresentava nenhum problema mecânico, sendo a forma encontrada para a execução da vítima. Ao saírem do carro, em frente a um estabelecimento de eventos, André foi executado por Ednaldo atingido por quatro disparos de arma de fogo, tendo um dos tiros acertado a cabeça da vítima.

Os policiais também apuraram que os documentos de André foram queimados pelos suspeitos, impossibilitando sua identificação na época do crime. Somente em 2010, as investigações possibilitaram obter o nome completo da vítima, que até o momento era conhecida apenas pelo primeiro nome e se encontrava como indigente.

Em decorrência das investigações, a Autoridade Policial representou pela prisão preventiva de Sérgio e Ednaldo. Em julho de 2014 o Poder Judiciário expediu o mandado de prisão preventiva em desfavor de Ednaldo, o qual já se encontrava foragido em razão do envolvimento em outros crimes e estava morando no estado do Paraná. No final do mês janeiro Ednaldo foi recapturado, e no último dia 2 de fevereiro foi cumprido no Complexo Penitenciário do Vale do Itajaí o mandado de prisão.

Santina foi indiciada por testemunho falso, após ser ouvida em termo de interrogatório e responde ao processo em liberdade. O filho Sérgio, também indiciado pelo homicídio da vítima, encontra-se recolhido na Unidade Prisional Avançada de Itapema, e aguarda o julgamento dos fatos.

Ednaldo possui uma extensa ficha criminal por crimes praticados na região. O investigado é acusado por praticar três crimes contra a vida na cidade de Camboriú, além de um crime por tráfico de drogas. Em Balneário Camboriú Ednaldo também responde na Justiça pelo cometimento de um crime contra a vida.

Apurou-se que Ednaldo integrava uma facção criminosa composta por criminosos das cidades de Balneário Camboriú e Camboriú – SC, sendo Ednaldo um dos integrantes responsável por eliminar aqueles que eram opositores e contrariavam os interesses da facção. Essa facção criminosa foi extinta em razão das diversas prisões realizadas, bem como muitos de seus integrantes foram assassinados por integrantes de uma facção rival.

O Inquérito Policial foi concluído e remetido ao Poder Judiciário para a deflagração da ação penal.


COMENTE ABAIXO ⬇

Telegram: participe do canal do Click Camboriú

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Galeria M.I.U. inaugura lado B com a exposição engenhariaREVERSA neste sábado, 12

A Galeria M.I.U. e o artista ONESTOdiesel convidam a todos para o pocketshow e uma tarde de texturas, contrastes, cores, vinhos e um bom papo
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.