Adolescentes com mais de 20 ocorrências policiais são apreendidos

Publicado em

- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

A Polícia Civil, por meio da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Balneário Camboriú, com apoio da Polícia Militar, através da 1ª Companhia de Camboriú e do Pelotão de Patrulhamento Tático (PPT) do 12ª Batalhão de Balneário Camboriú, realizou na manhã desta segunda-feira (1), uma operação conjunta contra o tráfico de drogas na cidade de Camboriú.

Após várias denúncias de populares, foram realizadas diversas investigações que culminaram com a representação da Autoridade Policial pela representação de busca e apreensão nas residências dos investigados. O Juízo da Vara Criminal de Camboriú deferiu os mandados de busca e apreensão em três residências localizadas no bairro Cedro, que foram cumpridas na manhã de segunda-feira pelos Policiais Civis e Militares.

Em uma residência localizada na Rua Maria Teodoro de Souza, local de ponto de venda de drogas, os policiais apreenderam uma pistola calibre .40 com numeração suprimida, contendo 16 munições, bem como 15 pedras de crack, utensílios para endolação de drogas, além de mais de R$ 1.000,00 (mil reais) em espécie.

pistolaTodo o material estava na residência, onde se encontravam seis adolescentes, com idades entre 13 e 17 anos, os quais foram apreendidos. Um adulto que se encontrava no local também foi conduzido para sede da DIC e liberado após prestar depoimento.

Na sede da DIC os policiais deram cumprimento aos mandados de busca expedido em desfavor de dois dos adolescentes apreendidos, pela prática de ato infracional análogo ao crime de tráfico de drogas. Cada um dos menores possuía mais de 20 registros em ocorrências policiais. A dupla também é investigada pela prática de atos infracionais análogos aos crimes de homicídios e roubos.

Em outras residências, alvo das denúncias, localizada na Rua Avelino Bertelli, também no bairro Cedro, o investigado Tiago Viana da Costa, 24 anos, foi preso em flagrante em posse de um carregador de pistola calibre .40 e uma luneta de mira telescópica utilizada em armas longas. O autor foi autuado em flagrante pela posse ilegal do acessório, sendo liberado em seguida após o pagamento de fiança.

As informações obtidas durante as investigações davam conta que o foragido Jacir dos Santos Júnior, de alcunha “Juneca”, 18 anos, contra quem havia mandado de prisão preventiva pela prática dos crimes de roubo e associação criminosa, estava se homiziando na residência situada na Rua Avelino Bertelli, contudo, no momento das buscas não foi localizado. No entanto, na continuidade das diligências, foi capturado no mesmo bairro onde foi realizada a operação, sendo efetivado o cumprimento do mandado de prisão.

As investigações prosseguem para apurar o envolvimento dos investigados em vários crimes de homicídios registrados na cidade de Camboriú. O delegado Osnei Valdir de Oliveira da DIC de Balneário Camboriú ressalta a importância da participação da comunidade, sendo fundamental para o êxito das investigações as informações prestadas por meio do disque-denúncia 181, sendo garantido o anonimato do colaborador.

Após os procedimentos cartorários, os dois adolescentes foram encaminhados ao Juízo da Vara de Infância e Juventude de Camboriú. Os menores poderão ser encaminhados a um Centro de Internação Provisória (CIP) do Estado.

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

- Publicidade -