- PUBLICIDADE -

Homem que matou agricultor no interior de Camboriú é preso

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Comece bem o verão com marmitas caseiras da Light Food BC

Por sua qualidade de vida e saúde, nos dias quentes mantenha uma alimentação saudável com as marmitas da Personal Chef Fit Kris Borba

Foto: DIC BC / Divulgação
Foto: DIC BC / Divulgação

A Polícia Civil, através da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Balneário Camboriú, cumpriu o Mandado de Prisão por Sentença Definitiva em desfavor de Elizaldo da Silva, 27 anos, na tarde desta terça-feira, 08 de outubro, em Balneário Camboriú. O autor foi condenado pelo homicídio que vitimou o agricultor Volni José da Silva, no ano de 2009.

O caso

No dia 26 de julho de 2009, o agricultor Volni José da Silva, 35 anos, bebia em um estabelecimento localizado na Estrada Geral dos Macacos, interior de Camboriú, quando se envolveu em uma discussão com Elizaldo da Silva, também morador da região. Elizaldo estava em posse de uma arma de fogo e atirou no agricultor, atingindo-a no pescoço e nas costas, e, devido à gravidade dos ferimentos, morreu no local. Elizaldo conseguiu fugir. Foi apurado que a briga teve motivo passional.

As investigações tiveram continuidade e a Autoridade Policial indiciou Elizaldo, que foi sentenciado e condenado pelo Juízo da Vara Criminal da Comarca de Camboriú. Em posse do Mandado de Prisão, expedido no início do corrente mês, os policiais da DIC – BC encontraram Elizaldo trabalhando em um comércio localizado na 4ª Avenida.

Após os procedimentos cartorários, Elizaldo foi conduzido ao Complexo Penitenciário do Vale do Itajaí, no bairro Canhanduba, em Itajaí.


COMENTE ABAIXO ⬇

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Mesmo com a pandemia, coleta para reciclagem aumentou 31% neste ano

Ainda em 2019, a coleta de recicláveis deu um salto em BC em decorrência da implantação de novas políticas públicas
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.