- PUBLICIDADE -

Suspeito de ter envolvimento com os disparos contra a Câmara de Vereadores de Itajaí é preso

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Desenvolva as suas habilidades e competências de Liderança

Programas de MBA e Masters da Tear Escola de Negócios englobam participantes com ou sem graduação e é semipresencial com duração de 12 meses

A Polícia Civil, através da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Itajaí, prendeu em flagrante, na noite de terça-feira (21), Osmar Steil Júnior, 26 anos, por tráfico e associação ao tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo de uso restrito, em Itajaí. Os Policiais Civis investigam se ele tem relação com os tiros disparados contra a Câmara de Vereadores da cidade, por volta das 21h30min desta terça-feira.

Logo em seguida aos três disparos que atingiram a fachada da Câmara, a equipe da DIC abordou um suspeito: Steil Júnior, integrante de uma facção criminosa. Além de traficar, a polícia apurou que ele possuía armas; uma delas pode ter sido emprestada para uma outra pessoa, ainda não identificada, suspeita de ser o autor dos disparos.

A arma, a qual se suspeita que tenha sido emprestada no período da tarde e devolvida posteriormente, será verificada pela perícia se foi a mesma utilizada no ataque. Ainda a perícia não informou o laudo de qual calibre foi encontrado nos vestígios dos disparos contra a Câmara, mas como não foi encontrada nenhuma capsula no local, descarta-se a possibilidade de ser uma pistola, reforçando a tese da possibilidade de ser um revólver calibre .38, como o apreendido.

Prisão

A equipe da DIC já estava em campanas, acompanhando o suspeito na rua, quando flagraram a venda do entorpecente. Alguns Policiais Civis seguiram o carro com que havia sido feito a transação e, em Navegantes, o veículo, de placas de Indaial, foi abordado. No carro estavam Andrey Naumann, 19 anos; e Paulo Roberto Pellin, 21 anos; com quem foram apreendidos 200 gramas de cocaína, provenientes com a transação com Steil Júnior. Os dois foram presos em flagrante por tráfico de drogas.

Posteriormente, em Itajaí, a equipe da DIC abordou Steil Júnior. Na casa dele foram apreendidos R$ 16,3 mil e duas armas de fogo: um revólver calibre .38 e um calibre .357. Além do tráfico, ele foi autuado por porte ilegal de arma de fogo de uso restrito.

Após os procedimentos, os presos foram encaminhados ao Presídio de Canhanduba, em Itajaí. As investigações continuam.

Os disparos

No momento dos tiros, havia no prédio vários funcionários, vereadores vigilantes e outros, mas ninguém saiu ferido. O Vigilante e o vereador Tito Arruda disseram ao Delegado Regional Rui Garcia, que viram um suspeito com roupas marrom e capacete preto sair correndo do local. Segundo relato do vigilante, uma pessoa encostou a moto atrás do terminal que não está totalmente ativado e que fica na frente da Câmara, e saiu. Há cerca de uns 150 metros, atirou contra o prédio, retornou correndo, embarcou na moto e saiu em direção à Univalli.


COMENTE ABAIXO ⬇

Receba as notícias do Click Camboriú pelo Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Dia das Mães: Maislaser vai presentear 100 pessoas com 10 sessões de depilação a laser

Ganham as 100 primeiras pessoas que ligarem para (47) 3011-0611 ou 3011-0211, ou entrarem em contato pelo WhatsApp 047 99273-2191
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.