- PUBLICIDADE -

Polícia Civil de Bal. Camboriú deflagra Operação Olho de Shiva

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Desenvolva as suas habilidades e competências de Liderança

Programas de MBA e Masters da Tear Escola de Negócios englobam participantes com ou sem graduação e é semipresencial com duração de 12 meses

envolvidos

A Polícia Civil, por meio da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Balneário Camboriú, desencadeou, nesta sexta-feira (3), a Operação Olho de Shivas, contra o tráfico de entorpecentes. O nome da Operação é alusivo a drogas sintéticas LSD comercializadas pela quadrilha. Em Santa Catarina, foram cumpridos 12 Mandados de Busca e Apreensão e cinco Mandados de Prisão, e paralelamente outras ações foram feitas, de maneira integrada, pelas Polícias Civil do Paraná e do Rio Grande do Sul.

Entre os presos (cinco Mandados de Prisão e uma prisão em flagrante por tráfico) pela Polícia Civil catarinense estão: Alecxandre de Souza e Silva, Alexandre Neves Sell, vulgo “Coxa”, Fernando Augusto Strutz, Gonzaga Gonçalves Moreira Junior, Rosana Neves e Rosely Maria Neves. Foram ainda apreendidos, durante a Operação, cerca de meio quilo de maconha, balança de precisão e outros objetos relacionados ao tráfico de drogas.

Dentre as residências alvo das buscas em Balneário Camboriú, estava a da Presidente do Conselho Tutelar de Balneário Camboriú, Lurdes Salabrette. Nas buscas na casa dela, que não se encontrava na residência, os Policiais Civis apreenderam objetos relacionados ao tráfico de drogas, tais como balança de precisão, rádios comunicadores, plásticos recortados que foram utilizados para empacotar drogas e pratos com resquícios de drogas, ficando evidenciado que o local era utilizado para a preparação e distribuição de drogas. Os filhos da Conselheira, ambos adolescentes, são investigados pela participação no crime de tráfico. No local ainda foi apreendido um computador pertencente à Prefeitura Municipal de Balneário Camboriú.

O Delegado da DIC de Balneário Camboriú, Osnei de Oliveira, declarou que um dos integrantes do bando, que tinha efetiva participação nos crimes, estava residindo na casa da Conselheira, além de Alexandre Neves Sell, vulgo “Coxa”, que também frequentava a residência dela.

droga_apreendida_em_RS_1Na cidade de Portão (RS), foi interceptado um caminhão que transportava 153 kg de maconha. Na cidade de Foz do Iguaçu (PR), foi realizado o cumprimento de três Mandados de Prisão e lavrado cinco Autos de Prisão em Flagrante.

A ação policial contra esta quadrilha, deflagrada simultaneamente entre os três estados da Região Sul do Brasil, contou com 60 Policiais Civis em Santa Catarina, dez no Rio Grande do Sul e 35 na cidade de Foz do Iguaçu (PR).

O caso

As investigações começaram no dia 26 de fevereiro do corrente ano, quando a Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Santa Terezinha do Itaipu realizou a abordagem de um veículo, com registro de roubo, conduzido por uma adolescente. Na revista veicular, os Policiais localizaram oito fuzis, 14 carregadores de fuzil e 6Kg de pasta-base de cocaína.

Segundo o Delegado da DIC de Balneário Camboriú, a informação inicial foi no sentido de que o material seria enviado para a cidade de Balneário Camboriú, ficando a adolescente responsável pelo transporte das mercadorias até a cidade de Cascavel (PR), onde outras pessoas assumiriam o transporte.

Com o aprofundamento das investigações, foi possível a identificação de uma ramificação da quadrilha, que residia em Balneário Camboriú e outra na cidade de Foz do Iguaçu (PR). Os setores de investigação da Polícia Judiciária dos dois estados trocaram informações, o que possibilitou a identificação de vários integrantes desta organização e posterior prisão de alguns deles.

Prisões

No curso das investigações, foram realizadas apreensões de drogas comercializadas pelos integrantes do bando. No dia 1.° de abril deste ano, aDSCN2146 DIC de Balneário Camboriú interceptou uma correspondência enviada para a cidade de Caxias do Sul (RS), onde foi encontrados 75 micropontos de LSD. A correspondência foi apreendida no Centro de Distribuição da cidade de Balneário Camboriú.

Dois dias depois (3/4), foi realizada a apreensão do veículo conduzido por “Coxa”, responsável pelo contato com os integrantes da organização radicados em Foz do Iguaçu. No dia seguinte (4/4), foi realizada uma busca veicular minuciosa, quando foi localizada maconha que seria comercializada naquela noite.

Ainda foram feitas diligências na cidade de Foz do Iguaçu, com intuito de capturar de um integrante do bando que se encontra foragido do sistema prisional de Santa Catarina. Nesta ocasião, houve confronto, porém, o investigado fugiu, mas a DIC ainda conseguiu apreender uma pistola calibre 9 mm.

Oliveira ressalta que, além das prisões realizadas, há outros cinco Mandados de Prisão pendentes de cumprimento. Ele ainda aponta que, com a Operação de hoje, a investigação terá outros desdobramentos.

Após os procedimentos Cartorários e lavratura do Auto de Prisão em Flagrante, os presos foram encaminhados ao Complexo Penitenciário do Vale do Itajaí (CPVI) e ao Presídio Regional de Itajaí.

Em Santa Catarina, participaram Policiais Civis da DIC, Delegacia Regional e Delegacia da Comarca de Balneário Camboriú, da Diretoria Estadual de Investigações Criminais (DEIC), Delegacias de Camboriú, Monte Alegre/Camboriú, Itapema e Tijucas.


COMENTE ABAIXO ⬇

Receba as notícias do Click Camboriú pelo Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Dia das Mães: Maislaser vai presentear 100 pessoas com 10 sessões de depilação a laser

Ganham as 100 primeiras pessoas que ligarem para (47) 3011-0611 ou 3011-0211, ou entrarem em contato pelo WhatsApp 047 99273-2191
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.