- PUBLICIDADE -

Itajaí inicia levantamento do índice de infestação pelo Aedes aegypti

Equipes do Programa de Controle da Dengue vão vistoriar 3.055 imóveis

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Trader Jader Nogueira exibe ganhos milionários e contraria matéria do Fantástico

Publicação na rede social do influenciador viralizou e pessoas se identificaram

Agentes de combate a endemias do Programa de Controle da Dengue de Itajaí começaram, nesta segunda-feira, 04.nov.2019, a percorrer todos os bairros do município para realizar o Levantamento Rápido do Índice de Infestação por Aedes aegypti (LIRAa). Em uma semana serão vistoriados mais de três mil imóveis para coleta de possíveis larvas do mosquito Aedes aegypti. Ao todo, 40 agentes com apoio de três veículos e oito motocicletas realizam o levantamento.

Durante o levantamento, o município é dividido em grupos de nove mil a 12 mil imóveis com características semelhantes. Em cada grupo são pesquisados 450 imóveis, que resultam nos índices de infestação predial da cidade. Os índices podem ser: inferiores a 1% – estão em condições satisfatórias; de 1% a 3,9% – estão em situação de alerta; superior a 4% – há risco de surto de dengue.

O LIRAa é realizado duas vezes ao ano, nos meses de março e novembro, em todas as cidades consideradas infestadas pelo Aedes aegypti. Em Itajaí, a atividade deve encerrar na próxima semana, dependendo das condições climáticas. No último levantamento, o município apresentou alto risco de infestação. Foi constatada que a maior parte dos focos estava dentro das casas e comércios. Atualmente, a cidade tem registrado 67 casos autóctones de dengue.

Previna-se contra o Aedes aegypti:

– Evite usar pratos nos vasos de plantas. Se usar, coloque areia até a borda;
– Guarde garrafas com o gargalo virado para baixo;
– Mantenha lixeiras tampadas;
– Deixe os depósitos para guardar água sempre vedados, principalmente as caixas d’água;
– Trate a água da piscina com cloro e limpe-a uma vez por semana;
– Mantenha ralos fechados e desentupidos;
– Lave com escova os potes de comida e de água dos animais no mínimo uma vez por semana;
– Retire a água acumulada em lajes;
– Dê descarga no mínimo uma vez por semana em banheiros pouco usados;
– Mantenha fechada a tampa do vaso sanitário;
– Evite acumular entulho, pois ele pode se tornar local de foco do mosquito da dengue;
– Não jogue lixo em terrenos baldios;
– Denuncie a existência de possíveis focos de Aedes aegypti para a Secretaria Municipal de Saúde pelo telefone (47) 3249-5573.


COMENTE ABAIXO ⬇

Fique bem informado com as notícias do Click Camboriú através do Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

UniAvan promove plantão de matrículas neste sábado com desconto exclusivo

Novos alunos ganharão desconto de 20% na primeira mensalidade de cursos presenciais; Quem optar por graduação EAD começa a pagar só em julho de 2021
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.