- PUBLICIDADE -

Ruth Cardoso: em reunião na Capital Fabrício confirma a despactuação

“Reafirmei a decisão de BC em relação ao Ruth, alertando que a questão da saúde tem que ser olhada de uma maneira regional”, explicou o prefeito

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Trader Jader Nogueira exibe ganhos milionários e contraria matéria do Fantástico

Publicação na rede social do influenciador viralizou e pessoas se identificaram

O Hospital Municipal Ruth Cardoso (HMRC) foi pauta de reunião realizada na Secretaria Estadual de Saúde na tarde de quinta-feira, 19.set.2019. O prefeito Fabrício Oliveira e a secretária municipal de Saúde, Andressa Hadad, reafirmaram a despactuação da instituição no fim do ano.

“Reafirmei a decisão de Balneário Camboriú em relação ao Ruth Cardoso, alertando que a questão da saúde tem que ser olhada de uma maneira regional, porque esta decisão irá impactar toda a região. Continuaremos a atender a maternidade, onde apenas 36% dos nascimentos são de pacientes da cidade. Nossa meta é atendermos com dignidade todos que procuram nosso hospital”, explicou o prefeito Fabrício Oliveira.

No encontro estiveram presentes prefeitos e secretários de saúde da região da Associação dos Municípios da Foz do Rio Itajaí (AMFRI), reunidos com o Secretário Estadual de Saúde, Helton de Souza Zeferino, o Secretário Adjunto, André Motta, o Diretor de Porta Fixa, João Villela, o Promotor de Justiça, Douglas Martins, e a presidente da Comissão Intergestores Regional (CIR), Juliana Wust. Foi discutido entre os gestores os caminhos a serem tomados para absorver a demanda vinda do Hospital Municipal Ruth Cardoso.

“A decisão que tivemos de reconfiguração do Ruth Cardoso é para que o hospital atenda com mais qualidade quem necessita de seus serviços, respeitando quem vive aqui e quem é de fora. Vamos abrir mais duas unidades de pronto atendimento, uma no bairro das Nações e outra no bairro Municípios, que vão dar suporte às pessoas, mas as internações no Ruth serão somente de moradores de Balneário Camboriú”, afirmou o prefeito.

O Estado foi notificado sobre o novo modelo de atendimento do Ruth Cardoso no dia 12 de agosto passado. O Município estabeleceu um prazo de 150 dias para que o Hospital Ruth Cardoso passe a atender somente moradores de Balneário Camboriú. Nesse período de tempo, o Município concluirá as obras do Unidade de Pronto Atendimento do Bairro das Nações e, também, do novo Pronto Atendimento do Bairro Municípios, que será ao lado do Ruth Cardoso.


COMENTE ABAIXO ⬇

Fique bem informado com as notícias do Click Camboriú através do Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

UniAvan promove plantão de matrículas neste sábado com desconto exclusivo

Novos alunos ganharão desconto de 20% na primeira mensalidade de cursos presenciais; Quem optar por graduação EAD começa a pagar só em julho de 2021
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.