- PUBLICIDADE -

Saúde de Camboriú realiza seminário sobre suicídio

Três palestras foram ministradas durante o evento que buscava discutir formas de prevenção ao suicídio

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Trader Jader Nogueira exibe ganhos milionários e contraria matéria do Fantástico

Publicação na rede social do influenciador viralizou e pessoas se identificaram

seminário sobre suicídio
Divulgação

Cerca de 150 pessoas assistiram ao seminário sobre suicídio organizado pela Secretaria de Saúde de Camboriú, na tarde desta sexta-feira, dia 15. O encontro, em alusão ao Setembro Amarelo, buscava dialogar formas de combate e prevenção ao suicídio. Três palestras, em parceria com o Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) do município e o Centro de Valorização da Vida (CVV), foram ministradas aos funcionários da rede municipal de saúde e a moradores presentes.

Para iniciar a discussão, o presidente do CVV, José de Arimatéia, apresentou as competências do Centro e respondeu questionamentos referentes ao trabalho e índices de atendimento. Um panorama sobre a assistência prestada pelo CAPS e o papel da unidade especializada no processo de prevenção ao suicídio, em Camboriú, foram abordados pela psiquiatra da unidade, Raquel Basso, e a coordenadora, Thalita Berlinck. Dentre as falas das profissionais estão a necessidade de orientar familiares de pessoas com depressões, transtornos severos e riscos de suicídio; o fim do preconceito com pacientes ou quadros psiquiátricos; e questões voltadas a automutilação na adolescência e questões culturais de medicamentação.

O secretário de Saúde, Ronnye Peterson Nasser dos Santos, comenta que o seminário representa uma aproximação de todas as unidades da rede pública e a busca pelo fortalecimento da assistência em saúde. “É preciso ter a mesma visão para poder oferecer excelentes acolhimentos, acompanhamentos e tratamentos de pessoas com transtornos mentais. Falar sobre essas formas de prevenção reflete na valorização da vida, nosso bem maior”, pontua.

Para finalizar o seminário o psiquiatra Rodrigo de Assumção falou a respeito do suicídio e sinais de risco. O profissional ressaltou a importância do tratamento e do valor da vida, além da importância da procura por ajuda. O prefeito Elcio Rogério Kuhnen falou da importância da discussão. “Não deve


COMENTE ABAIXO ⬇

Fique bem informado com as notícias do Click Camboriú através do Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

UniAvan promove plantão de matrículas neste sábado com desconto exclusivo

Novos alunos ganharão desconto de 20% na primeira mensalidade de cursos presenciais; Quem optar por graduação EAD começa a pagar só em julho de 2021
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.