- PUBLICIDADE -

Ação de combate ao Aedes aegypti conta com ajuda de drone em Itajaí

Ao todo, foram vistoriados mais de 30 imóveis

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Desenvolva as suas habilidades e competências de Liderança

Programas de MBA e Masters da Tear Escola de Negócios englobam participantes com ou sem graduação e é semipresencial com duração de 12 meses

(Divulgação)
(Divulgação)

Mais uma ação conjunta das secretarias de Saúde e de Segurança para o combate à proliferação dos focos do mosquito Aedes aegypti em Itajaí foi realizada entre os dias 28 de março a 01 de abril, após decisão da Sala de Situação local.

Profissionais do Programa de Combate à Dengue e da Codetran efetuaram levantamento fotográfico de imóveis fechados com a ajuda do drone da Secretaria de Segurança. Ao todo, foram vistoriados mais de 30 imóveis do bairro Cidade Nova que se encontravam fechados durante os dois ciclos de atividades do Plano Emergencial de controle do Aedes aegypti, desenvolvidos entre janeiro e março.

A partir desta verificação com o drone, as imagens serão analisadas pelo Programa de Combate a Dengue caso a caso, e os imóveis que apresentarem risco para proliferação do vetor serão adentradas para verificação. De acordo com o coordenador Lúcio Vieira, os agentes de controle de endemias voltam agora às atividades normais nos bairros São Vicente, Cidade Nova e Cordeiros.

O Programa de Controle da Dengue é uma ação de âmbito nacional que visa o fortalecimento da vigilância epidemiológica para ampliar a capacidade de detecção precoce de surtos da doença. A melhoria da qualidade do trabalho de campo de combate ao vetor.

A integração das ações de controle da dengue na atenção básica, com a mobilização do Programa de Agentes Comunitários de Saúde (PACs) e Programa de Saúde da Família (PSF) e o desenvolvimento de instrumentos mais eficazes de acompanhamento e supervisão das ações desenvolvidas pelo Ministério da Saúde, estados e municípios.

Orientações para evitar a proliferação do Aedes aegypti:

• Evite usar pratos nos vasos de plantas. Se usar, coloque areia até a borda;

• Guarde garrafas com o gargalo virado para baixo;

• Mantenha lixeiras tampadas;

• Deixe os depósitos para guardar água sempre vedados, sem qualquer abertura, principalmente as caixas d’água;

• Plantas como bromélias devem ser evitadas, pois acumulam água;

• Trate a água da piscina com cloro e limpe uma vez por semana;

• Mantenha ralos fechados e desentupidos;

• Lave com escova os potes de comida e de água dos animais no mínimo uma vez por semana;

• Retire a água acumulada em lajes;

• Dê descarga no mínimo uma vez por semana em banheiros pouco usados;

• Mantenha fechada a tampa do vaso sanitário;

• Evite acumular entulho, pois podem se tornar locais de foco do mosquito da dengue.

• Denuncie a existência de possíveis focos de Aedes aegypti para a Secretaria Municipal de Saúde;

• Caso apresente sintomas de dengue, chikungunya o Zika vírus, procure uma unidade de saúde para atendimento.


COMENTE ABAIXO ⬇

Receba as notícias do Click Camboriú pelo Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Dia das Mães: Maislaser vai presentear 100 pessoas com 10 sessões de depilação a laser

Ganham as 100 primeiras pessoas que ligarem para (47) 3011-0611 ou 3011-0211, ou entrarem em contato pelo WhatsApp 047 99273-2191
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.