Crianças e musculação, afinal pode ou não?

Publicado em

- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

Anna Clara se intitulou "blogueira fitness infantil" e conquistou milhares de seguidores na rede.
Anna Clara se intitulou “blogueira fitness infantil” e conquistou milhares de seguidores na rede.

A recente polêmica envolvendo a menor Anna Clara Mansur, de 9 anos, pelo visto ainda vai dar muito o que falar.

A estudante de Goiânia, em Goiás, ganhou milhares de seguidores nas redes sociais ao postar fotos de sua rotina de exercícios em uma academia e se auto intitulando como “blogueira fitness infantil”. Entretanto, as imagens causaram polêmica depois de muitos internautas considerarem um exagero por parte dos pais deixar uma criança se dedicar tão cedo a uma série de exercícios.

Após receber diversas mensagens criticando a atitude, a conta que a menina mantinha no Instagram foi bloqueada, mas tanto a mãe, quanto o pai da menina, garantiram que apoiarão a filha, que treina musculação duas vezes por semana além de praticar natação.

Segundo a mãe, a pequena musa da internet, que tinha mais de 21 mil seguidores na rede, malha há quatro meses, sempre acompanhada pelo pai, que é personal trainer.

 

Polêmica

O assunto dividiu os internautas pela preocupação com o físico, mas a mãe garante que não há motivos para as críticas. “Ela não tem essa preocupação com o corpo. Ela faz porque gosta e se sente bem. É algo lúdico. Além disso, ela treina só uma hora, duas vezes por semana”, disse a mãe.

Entretanto, a opinião da classe médica, não é bem essa; o consenso é que a malhação é indicada para adultos, a partir dos 15 anos, quando já são adolescentes e o corpo, mais definido, pode suportar as atividades com cargas.

Para o médico da área esportiva, Dr. Fernando Querne, que atende na Clínica Conceitualle, em Balneário Camboriú, exercício seguro e que pode ser recomendado às crianças são aqueles que trazem benefícios sem comprometer o desenvolvimento, como natação, futebol e outros esportes coletivos, danças, escaladas e corridas. “Estas atividades trabalham os músculos, melhoram a respiração e a coordenação motora, dão força e flexibilidade, além de reduzir a ansiedade da criança”, explica o médico. Mas Dr. Fernando salienta: “Atividade física requer em primeiro lugar o aval de um médico, indicando que você está apto a praticar exercícios, além disso, vale lembrar que na musculação é preciso acompanhamento de um instrutor todos os dias, afinal essa atividade requer cuidados”, finalizou o médico.

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

- Publicidade -