- PUBLICIDADE -

Rio Peroba recebe operação concentrada de limpeza

Cerca de 30 homens atuarão no trabalho de capina, retirada de areia do leito do rio e de entulhos jogados pela população

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Maislaser vai presentear 100 pessoas com 10 sessões de depilação a laser em agosto

10 sessões de depilação a laser em uma área pequena! Não vai perder esse presentão, né?
Prefeitura começa operação concentrada de limpeza no Rio Peroba
Divulgação

O prefeito Fabricio Oliveira determinou que comece, a partir desta quinta-feira (10), uma operação especial de desassoreamento e limpeza no Rio Peroba e nas ruas que margeiam o rio. Também entrarão no escopo do trabalho, as praças da Sexta Avenida, que terão incremento de equipamentos de ginástica e pintura, além de serviços de varrição, roçada, retirada de lixos e capina.

A ideia é de que o mutirão feito, em conjunto, pela Secretaria de Obras e Ambiental percorra o Bairro dos Municípios até a próxima semana. “Poucas vezes vi uma administração fazer isso. Vai ficar muito bom para os moradores”, disse o morador Evaldo Egne. “Muito bom isso! Os moradores só ganham com o trabalho”, completou a moradora, Maria da Graça Amorim.

Cerca de 30 homens atuarão no trabalho de capina, retirada de areia do leito do rio e de entulhos jogados pela população. Nos primeiros minutos do trabalho com a retroescavadeira já foram retirados pneus, restos de mobília e outros entulhos de dentro do rio. “Essa é uma força-tarefa que só será concluída quando as nossas equipes percorrem todo o rio, do começo ao fim, e tudo estiver devidamente limpo e desassoreado. É importante que a comunidade também faça a sua parte não jogando objetos no rio”, destacou o prefeito.


COMENTE ABAIXO ⬇

Telegram: participe do canal do Click Camboriú

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de Balneário Camboriú e região em seu e-mail.

⚠ Confirme na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Como a cannabis medicinal tem ajudado famosos e não famosos

A Huniq, empresa de cannabis medicinal instalada em Itajaí, é responsável pelo tratamento das quatro histórias apresentadas nessa reportagem
- PUBLICIDADE -