Balneário Camboriú recebe projeto-piloto de rede de gás natural

A obra visa construir no município, redes de distribuição de gás nas calçadas e não nas ruas e rodovias

Publicado em

- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

Divulgação

Começou a ser executada nesta semana, a instalação de quase um quilômetro de rede de gás natural na quadra das ruas 2.850 e 2.870, no Centro de Balneário Camboriú. A obra, da SCGás, é um projeto-piloto que visa construir no município, redes de distribuição de gás nas calçadas e não nas ruas e rodovias.

O modelo já é adotado em outras cidades no Estado. Por ser implantada na calçada, a rede garante maior facilidade na execução das obras, além de pouco afetar o trânsito de veículos durante o processo. Outro benefício é que a rede de distribuição de gás subterrânea elimina as construções em frente aos prédios para abrigar cilindros de gás, que poluem visualmente as cidades, além disso, não atrapalha o trânsito, já que não é necessário caminhões para reabastecerem os edifícios, já que o gás vem pela rede do subsolo, e ainda é mais segura.

Esta é a primeira etapa de um plano de atendimento a longo prazo da Companhia de Gás de Santa Catarina para a cidade, que nos próximos cinco anos, pretende atingir a meta de 530 edifícios, que contabilizariam mais de 18 mil apartamentos, e 350 estabelecimentos comerciais abastecidos com gás natural. Atualmente, o município conta com cerca de 20 quilômetros de rede estruturante da SCGÁS, mas apenas o shopping Balneário Camboriú é atendido com gás natural e se beneficia do combustível.

A instalação das redes das ruas 2.850 e 2.870 deve ser concluída em novembro, e o fornecimento aos primeiros clientes ocorrerá no primeiro trimestre de 2018. O investimento é da SCGás no valor de R$ 1 milhão e inicialmente beneficiará cerca de 200 unidades residenciais. O Município, por meio da Secretaria de Planejamento, concedeu as licenças necessárias para a obra.

O Gás Natural

Combustível fóssil com menor índice de impacto ao meio ambiente, considerado a ponte para as energias renováveis, o gás natural possui maior segurança operacional. Atualmente, Santa Catarina tem a tarifa de gás natural mais barata do Brasil, e a utilização do insumo gera, portanto, economia significativa tanto para o uso residencial quanto em estabelecimentos comerciais.

O gás natural é entregue de forma canalizada, dispensando a necessidade de estoque e a logística de energia através de caminhões, o que poupa espaço, garante abastecimento contínuo, melhora a mobilidade urbana e gera comodidade aos usuários. Em cidades verticais como Balneário Camboriú, o gás natural, por ser mais leve que o ar, é ainda mais vantajoso que concorrentes como o Gás Liquefeito de Petróleo, cuja densidade torna mais difícil seu deslocamento.

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

- Publicidade -