- PUBLICIDADE -

Obra da ponte da Vila Real está 35 por cento concluída

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

UniAvan oferta atendimento psicológico a profissionais da ONG Viva Bicho

A ação é realizada pelos acadêmicos dos anos finais do curso de Psicologia e visa o bem-estar das pessoas que trabalham diariamente com os animais

ponteA Prefeitura Municipal de Balneário Camboriú, através da Campanhia de Desenvolvimento e Urbanização (Compur), divulga o andamento das obras da Ponte Altamiro Domingos de Castilho que fará o acesso de toda a comunidade do bairro Vila Real ao bairro Nova Esperança. A empresa responsável pela construção da ponte iniciou as obras em fevereiro deste ano e já está com um total de 35% da construção concluída, com a intenção de finalizá-la em maio de 2012.

Hoje a comunidade faz a travessia da Vila Real para o Nova Esperança por uma balsa que funciona todos os dias das 6h às 24h.

Segundo o prefeito Edson Renato Dias, Piriquito, a conclusão desta obra facilitará e ampliará o acesso e a união dos moradores dos bairros da Vila Real, Nova Esperança de Balneário Camboriú e do bairro São Francisco de Assis (Barranco) de Camboriú, além de contribuir para o desenvolvimento de toda região.

Até o momento, foram concretadas 17 vigas e mais uma está sendo finalizada nesta sexta-feira (4). Ao todo serão 35 vigas que estarão sustentadas por oito travessas superiores. Dessas travessas superiores, quatros já estão prontas e as restantes estão em processo de acabamento.

De acordo com o presidente da Compur, Niênio Gontijo, no mês de dezembro serão lançadas as primeiras dez vigas nos dois primeiros vãos entre as travessas superiores. Assim que as vigas forem colocadas, o próximo passo será a colocação da pré-laje, para posteriormente ser feita a laje e por último o asfalto. “Além disso, já está terminada a terraplanagem do lado da ponte que liga o bairro Nova Esperança a Vila Real”, explica.

De acordo com o projeto, a Ponte Altamiro Domingos de Castilho terá 186,8 metros de comprimento, com mais 97,6 metros de terraplanagem de acesso da Vila Real e 92 metros de terraplanagem de acesso ao Nova Esperança, totalizando 376,4 metros de extensão. Além de ter 13,10 metros de largura, que contará com oito metros de pista de rolamento, dois metros de ciclovia e mais dois metros de calçada.

O projeto inicial da Ponte teve algumas alterações solicitadas pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente e por moradores da região que utilizam o Rio Camboriú para navegação. Foram ampliados 26 metros nas partes de terraplanagem da ponte para que mantenha-se a área do mangue preservada e houve mudanças nos pilares de sustentação, com recuo de seis metros para facilitar o canal de trânsito de embarcações pelo Rio Camboriú.


COMENTE ABAIXO ⬇

Receba as notícias do Click Camboriú pelo Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Clínica de odontologia da UniAvan oferece atendimento para cirurgias dentárias

Os procedimentos gratuitos serão direcionados a cirurgias de extração de dentes, remoção de freio, raiz quebrada, tratamento de lesões na boca, dentre outros
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.