- PUBLICIDADE -

Balneário Camboriú vai incentivar empreendedorismo com adesão ao ‘Cidade Empreendedora’

Um dos eixos do programa é a desburocratização, ou seja, a redução do tempo para a abertura de empresas

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

UniAvan oferta atendimento psicológico a profissionais da ONG Viva Bicho

A ação é realizada pelos acadêmicos dos anos finais do curso de Psicologia e visa o bem-estar das pessoas que trabalham diariamente com os animais

Cidade Empreendedora 23 05 17 Foto Celso Peixoto 28 Copy
Divulgação

A Prefeitura de Balneário Camboriú assinou a adesão ao programa “Cidade Empreendedora” na tarde desta terça-feira, 23, no Teatro Municipal Bruno Nitz. O município é o segundo no Estado a adotar o programa do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), que que visa o desenvolvimento social e econômico do município, e é um compilado de ações e programas de sucesso desenvolvidos pelo Sebrae ao longo dos anos.

Ele será executado em 2017 e 2018. Um dos eixos do programa é a desburocratização, ou seja, a redução do tempo para a abertura de empresas. A intenção é transformar Balneário Camboriú em um lugar fácil para empresas se instalarem. Também deverá ser criada a Sala do Empreendedor, um local onde o munícipe possa buscar soluções para suas atividades. “O poder público não pode colocar uma muralha na frente do empreendedor, tem que carregar no colo aquele que quer empreender na cidade. Com o programa, Balneário Camboriú será referência em como tratar o empreendedor”, disse o prefeito Fabrício Oliveira.

Estão envolvidos no programa poder público, instituições e iniciativa privada. Receberão consultoria prefeito, secretários, servidores e empreendedores. “Em Santa Catarina, concentramos ações individuais em um grande projeto de desenvolvimento que vai pensar a cidade como um todo”, explicou o coordenador Regional da Faz do Itajaí do SEBRAE – SC, o Alcides Sgrott Filho.

Nesses dois anos, também estão previstas outras atividades, como capacitação de professores para tratar de empreendedorismo com alunos do 1º ao 9º ano e atividades com jovens de 14 a 19 anos. O programa também vai trabalhar em eixos como compras públicas, pesquisas e planejamento estratégico da gestão municipal e gestão de projetos e plano de desenvolvimento econômico.

O passo seguinte para a implantação do “Cidade Empreendedora” será a reunião do secretariado com os consultores do Sebrae para a elaboração do cronograma de trabalho. Com investimento de R$ 449.250, o programa é custeado 60% pelo Sebrae e 40% pela Prefeitura.


COMENTE ABAIXO ⬇

Receba as notícias do Click Camboriú pelo Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Clínica de odontologia da UniAvan oferece atendimento para cirurgias dentárias

Os procedimentos gratuitos serão direcionados a cirurgias de extração de dentes, remoção de freio, raiz quebrada, tratamento de lesões na boca, dentre outros
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.