Prefeitura de Balneário Camboriú lança projeto ‘Adote um Catador’

A iniciativa visa padronizar o trabalho dando um carrinho para os catadores, com o apoio da iniciativa privada

Publicado em

- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

Divulgação

No Dia Nacional da Adoção, a Prefeitura de Balneário Camboriú, por meio da Secretaria de Desenvolvimento e Inclusão Social, lançou na noite desta quinta-feira, 25, o projeto Adote o Catador. A iniciativa visa padronizar o trabalho dando um carrinho para os catadores, com o apoio da iniciativa privada. No momento, também foram entregues coletes e bonés de identificação para os catadores regularizados.

Estiveram presentes no evento, representantes das secretarias de Obras, Meio Ambiente, Segurança Pública, Fundo Municipal de Trânsito (Fumtran), EMASA e empresas que doaram o primeiro protótipo do carrinho para os catadores. Ele tem as medidas exigidas pela lei municipal, além de ser um modelo mais leve. Com quatro rodas, ele facilita o manuseio, diferente dos que estão nas ruas atualmente, que só possuem duas rodas.

Quem aprovou a ideia, foi Alaércio Vaz, 37, que trabalha há 20 anos como catador na cidade. “Achei uma ótima iniciativa, o carrinho não ocupa muito espaço na rua. Com isso, não vamos atrapalhar o trânsito na cidade”.

De acordo com o vice-prefeito, Carlos Humberto, o projeto padronizará os catadores da cidade. “Vamos ter carrinhos padronizados, que durarão por mais tempo. Esse trabalho é para as pessoas que estão regularizadas na secretaria e respeitam os horários para transitar na cidade. Peço a todos os catadores que possamos trabalhar juntos para fazermos de Balneário Camboriú uma cidade melhor do que já temos hoje”, disse.

Segundo o secretário de Desenvolvimento e Inclusão Social, Luiz Maraschin, a meta é incentivar que os empresários da cidade comprem esses carrinhos e façam a doação aos catadores. “Com o apoio dos empresários vamos padronizar os carrinhos desses trabalhadores. Em contrapartida, as empresas poderão divulgar no espaço publicitário do próprio carrinho, que circula por toda a cidade”, comentou.

Atualmente mais de 300 catadores estão cadastrados em Balneário Camboriú. Desses, cerca de 120 já realizaram o recadastramento. A Secretaria de Desenvolvimento e Inclusão Social seguirá fazendo o cadastro dos catadores até o dia 14 de novembro. Os interessados devem levar cópias do CPF, RG, Certidão Negativa Criminal e do comprovante de residência (fatura da última conta telefônica, fatura de luz ou de água), contrato de locação ou atestado de residência (firmado por duas pessoas do bairro onde mora). A secretaria está localizada na Rua 2000, n° 1380 – Centro. O funcionamento é das 8h às 12h e das 13h às 18h.

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

- Publicidade -