COMAD discute projetos de prevenção às drogas

Publicado em

- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

O Conselho Municipal de Políticas Públicas sobre Drogas – COMAD promoveu na última semana, uma reunião ordinária na Casa dos Conselhos, com participação de várias secretarias municipais. O encontro, que aconteceu na última terça-feira (2), teve por objetivo principal passar informações sobre projetos ligados à prevenção de drogas em nossa região.

Foram abordados temas como a problemática da dependência do crack, além de assuntos ligados ao Plano Catarinense de Políticas Públicas sobre Drogas, no qual os governos Federal, Estadual e Municipal deverão buscar ações integradas, na prevenção ao uso indevido de substâncias psicoativas, tratamento, reabilitação do dependente químico e sua reinserção social, por meio de trabalhos nas áreas de saúde, segurança pública, assistência social, justiça e educação.

O presidente do COMAD, Paulo Roberto de Souza, destacou que, ”com o fortalecimento do COMAD e o fato de o município aderir ao Plano Catarinense de Políticas Públicas sobre Drogas, o trabalho de combate às drogas será mais efetivo em Balneário Camboriú”, explicou.

Santiago Martin Navia, gestor de projetos da Secretaria de Segurança de Balneário Camboriú, apresentou o Projeto Núcleo de Prevenção às Drogas, que está sendo elaborado em parceria com o COMAD da cidade. ”Há a necessidade de uma melhor integração entre as áreas de saúde, educação, segurança e assistência social, onde serão realizadas ações conjuntas ao COMAD nas questões das drogas”, enfatizou Navia.

Além dos conselheiros, estiveram presentes no encontro o secretário de Desenvolvimento e Inclusão Social, Luiz Maraschin; a diretora de Especialidade da Secretaria Municipal de Saúde e Saneamento, Neusa Aparecida de Souza Teixeira; o gestor Santiago Navia; diretor da Guarda Municipal, Adelcio Bernardino; agente de trânsito Leandro Leite; representante do Centro Terapêutico Equilíbrio, Carla Denise Bergamin; empresário do NBS Serviços, Nademir Batista Silveira; e a funcionária do Centro de Atenção Psicossocial – CAPS, Jaini Dalprá.

Vale lembrar que é de responsabilidade dos municípios implantar e colocar em prática o Plano sobre Drogas, que em Balneário Camboriú está sob responsabilidade do COMAD.

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

- Publicidade -