- PUBLICIDADE -

Inscrições para quem deseja comercializar alimentos na Festa do Bom Sucesso estão abertas

As tendas gastronômicas poderão comercializar alimentos em quatro categorias

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Como a cannabis medicinal tem ajudado famosos e não famosos

A Huniq, empresa de cannabis medicinal instalada em Itajaí, é responsável pelo tratamento das quatro histórias apresentadas nessa reportagem

BALNEÁRIO CAMBORIÚ A Fundação Cultural de Balneário Camboriú abriu inscrições para credenciar entidades e associações que desejem durante a Festa do Bom Sucesso. Interessados devem se inscrever até 6 de julho, pelo site https://culturabc.com.br.

Informações e requisitos estão no edital de credenciamento público nº 001/2022, publicado no site da Fundação Cultural na segunda-feira, 27.jun.2022, e podem ser lidos também neste link: https://bit.ly/3A5mFUm.

O edital objetiva selecionar entidades e associações de Balneário Camboriú para exploração de tendas gastronômicas na Festa do Bom Sucesso, com parceria de bares, restaurantes e feirantes da cidade. A intenção é valorizar a cultura alimentar e estimular a elaboração de receitas que usem insumos locais. Conforme o edital, as tendas gastronômicas poderão comercializar alimentos em quatro categorias: comidas típicas de festas comunitárias locais e receitas regionais; lanches, petiscos e porções; doces e sobremesas, além de bebidas. O participante poderá se inscrever em até duas categorias.

Celebrando a diversidade cultural do município, a Festa do Bom Sucesso será de 22 a 24 de julho, na Praça do Pescador, no Bairro da Barra, e faz parte da programação de aniversário de 58 anos de Balneário Camboriú.


COMENTE ABAIXO ⬇

Telegram: participe do canal do Click Camboriú

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de Balneário Camboriú e região em seu e-mail.

⚠ Confirme na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Imobiliária de Balneário Camboriú aluga imóvel em até 30 dias ou paga o condomínio

A imobiliária promete alugar o imóvel em até 30 dias, ou pagar o condomínio ao proprietário
- PUBLICIDADE -