- PUBLICIDADE -

Adolescentes com medida socioeducativa cultivam horta no CREAS

Sete adolescentes poderão participar da atividade fora do horário da escola ou trabalho, de acordo com sua disponibilidade

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Como a cannabis medicinal tem ajudado famosos e não famosos

A Huniq, empresa de cannabis medicinal instalada em Itajaí, é responsável pelo tratamento das quatro histórias apresentadas nessa reportagem
Adolescentes com medida socioeducativa cultivam horta no CREAS
Gabriella Belle / Divulgação

Os adolescentes que cumprem medida socioeducativa em Balneário Camboriú tem a oportunidade de realizar uma nova atividade, desde segunda-feira, 27.maio.2019. A Prefeitura, por meio da Secretaria de Desenvolvimento e Inclusão Social, iniciou o projeto de manutenção da horta do Centro de Referência Especializada de Assistência Social (CREAS).

Sete adolescentes poderão participar da atividade fora do horário da escola ou trabalho, de acordo com sua disponibilidade. “Eles podem vir de manhã, à tarde, ou início da noite. Reativamos as hortas, em parceria com o Departamento de Economia Artesanal (DEA), e estamos convidando esses jovens a participar”, explica a secretária de Desenvolvimento e Inclusão Social, Christina Barichello.

De acordo com a coordenadora do CREAS, Cristina Bitencourt, o que for produzido nas hortas, será consumido pelos usuários do Centro. “Nós atendemos cerca de cinco mil pessoas por mês aqui, todas vítimas de violências. Além disso, recebemos muitas pessoas da Abordagem Social, que nos procuram em busca de alimentos 24h. Nos últimos 30 dias, pudemos ajudar mais de 1500 pessoas”, revela.

O CREAS fica na Rua Israel, esquina com a Avenida Martin Luther, e atende das 7h às 19h o público em geral.


COMENTE ABAIXO ⬇

Telegram: participe do canal do Click Camboriú

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de Balneário Camboriú e região em seu e-mail.

⚠ Confirme na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Imobiliária de Balneário Camboriú aluga imóvel em até 30 dias ou paga o condomínio

A imobiliária promete alugar o imóvel em até 30 dias, ou pagar o condomínio ao proprietário
- PUBLICIDADE -