Divulgação

Na tarde desta quinta-feira, 28.fev.2019, a equipe do Projeto Produtor de Água, programa que visa a recuperação das áreas de preservação permanente das margens do Rio Camboriú, realizou três vistorias em propriedades inseridas no programa para a liberação do Pagamento por Serviços Ambientais (PSA).

A primeira propriedade visitada foi da Associação Comunitária da Limeira de Camboriú, que possui 8,38 hectares de área conservada e 0,48 de restauração.

A segunda fica na localidade do Braço, em Camboriú, com 15,6 hectares de área conservada e 1,16 de área em restauração. A última propriedade vistoriada também fica na localidade de Limeira, em Camboriú e possui 38 hectares de área de conservação.

A cada seis meses o suporte técnico faz vistoria nas propriedades para liberar o valor do auxílio, que é calculado pela área inserida. “Durante as visitas a equipe técnica verifica se a área está sendo preservada e também auxilia o morador com orientações”, explica a engenheira ambiental responsável pelo programa, Rafaela Santos. A equipe também auxilia o morador com serviços de restaurações da região, como plantio de mudas, cercamentos, regeneração, adubação e outros serviços necessários para a recuperação do território.

Edital Produtor de Água 2019

A Empresa Municipal de Água e Saneamento (Emasa), no dia 6 de fevereiro, lançou o novo edital do Projeto Produtor de Água, válido por um ano. O chamamento público destina-se ao cadastramento de pessoas físicas ou jurídicas, interessadas em participar do Projeto. O Produtor de Água prevê ações de conservação de vegetação nativa e restauração de áreas degradadas, por meio de auxílios financeiros aos proprietários que aderirem ao programa.

Os interessados em participar devem entregar os documentos na sede da Emasa, localizada na 4ª Avenida, 250, Centro – das 12h às 18h, até dia 06 de fevereiro de 2020. O edital de adesão ao Produtor de Água está anexo e também pode ser conferido no site da Emasa (http://www.emasa.com.br/licitacoes – modalidade chamamento), assim como, mais informações sobre o Projeto (www.emasa.com.br/produtordeagua). 

Indivíduo tentou entrar no mar, mas ficou atolado na areia com sua cadeira de rodas.

Posted by Click Camboriú on Friday, March 1, 2019


COMENTE ABAIXO ⬇

resposta(s) publicada(s). (Obs.Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site)