Divulgação

O departamento de Vigilância Sanitária de Camboriú, em parceria com a Polícia Militar e a Fundação do Meio Ambiente (Fucam), interditou um pátio de automóveis na tarde desta quinta-feira, dia 10.

O estabelecimento, situado no bairro Taboleiro, não possuía alvará sanitário e certificação de controle de pragas, além de apresentar focos reincidentes do mosquito Aedes aegypti – transmissor da Dengue, da febre Chikungunya e do Zika Vírus.

O pátio de automóveis também estava em desacordo com outras normas sanitárias. O estabelecimento não possuía refeitório, para alimentação dos funcionários; os banheiros estavam insalubres; e 60% do espaço físico deveria estar coberto, o que evita o acúmulo de água parada em depósitos e sucatas.  

A diretora de Vigilância em Saúde do município, Josiane Farias, explica que, nos últimos meses, o proprietário do estabelecimento já havia recebido autos de infração das Vigilâncias Sanitárias municipal e estadual, do Programa de Combate à Dengue e da Fucam. “Nosso objetivo com essa interdição não é prejudicar o proprietário. Queremos reforçar a prevenção da saúde pública, já que esta região sofre com o número de focos do Aedes aegypti. Que tal medida sirva como exemplo para outros estabelecimentos”.

Confira as medidas que devem ser tomadas para evitar a doença

Posted by Click Camboriú on Thursday, January 10, 2019


COMENTE ABAIXO ⬇

resposta(s) publicada(s). (Obs.Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site)