- PUBLICIDADE -

Idosas realizam mais uma Abordagem Social nesta quinta-feira

O objetivo é que a presença dos idosos, suas experiências de vida e conversas, possa convencer pessoas em vulnerabilidade social a serem resgatadas

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Trader Jader Nogueira exibe ganhos milionários e contraria matéria do Fantástico

Publicação na rede social do influenciador viralizou e pessoas se identificaram

Idosas realizam mais uma Abordagem Social nesta quinta feira
Divulgação

Nesta quinta-feira (06), quatro idosas que frequentam a Secretaria da Pessoa Idosa (SPI) participaram de Abordagem Social realizada pela Secretaria de Desenvolvimento e Inclusão Social. A idosas, juntamente com a equipe do Resgate Social, saíram em uma van pelo Centro da cidade – área com maior número de pessoas em situação de rua – para tentar ajudar na ressocialização delas.

Esse tipo de abordagem com idosos ocorre semanalmente, todas às quintas-feiras, a partir das 9h e também faz parte do projeto da SPI chamado “A Liga do Bem”, que trabalha com idosos em ações voluntárias. O objetivo é que a presença dos idosos, suas experiências de vida e conversas, possa convencer pessoas em vulnerabilidade social a serem resgatadas e reintegradas no mercado de trabalho. “Os 60+ são extremamente participativos nas questões sociais da cidade. Eles têm uma abordagem e um olhar diferenciados, e podem sim agregar muito valor ao projeto”, disse a secretária da Pessoa Idosa e de Desenvolvimento e Inclusão Social, Christina Barichello.

Ao todo, 19 idosos e idosas já se candidataram para serem voluntários nas abordagens. Ligia Maria Reis, de 72 anos, é uma delas. “Hoje é a primeira vez que eu participo da abordagem e pretendo participar mais. Essas pessoas precisam de alguém que dê apoio, então é bom dar mais atenção. Todo cidadão deve ajudar quem está precisando, mesmo que seja com um sorriso”, conta.

Essa e outras abordagens realizadas pelo Resgate Social ocorrem diariamente em Balneário Camboriú. Em novembro, foi lançada a campanha “Dar esmola mantém ele na rua. Dê oportunidade: Ligue 156”, com o objetivo de ampliar o trabalho do Resgate Social, estimulando que a população ligue para o 156 em vez de dar esmola, dando oportunidades às pessoas em situação de rua.


COMENTE ABAIXO ⬇

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

UniAvan promove plantão de matrículas neste sábado com desconto exclusivo

Novos alunos ganharão desconto de 20% na primeira mensalidade de cursos presenciais; Quem optar por graduação EAD começa a pagar só em julho de 2021
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.