Operação Baixas Temperaturas acolhe moradores de rua em BC

Até o momento foram realizadas 21 abordagens, dessas, apenas 16 pessoas aceitaram o acolhimento

Publicado em

- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

Divulgação

Com a frente fria que tem atingindo nossa região, a Secretaria de Desenvolvimento e Inclusão Social de Balneário Camboriú iniciou a operação “Baixas Temperaturas”. Quando os termômetros registram temperaturas abaixo de 11°C, o departamento de Resgate Social sai pelas ruas de Balneário Camboriú e intensifica as abordagens com os moradores de rua propondo acolhimento noturno.

Os moradores que aceitam o acolhimento, são levados para a Casa de Passagem do Migrante. Lá, eles recebem, além de lugar para passar a noite, alimentação e banho. A equipe também oferece encaminhamento para o Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas (CAPS AD), ou para comunidades terapêuticas, caso haja necessidade. Outro serviço oferecido pelo Resgate Social é o auxílio para que os moradores voltem para sua cidade de origem.

O diretor da Casa de Passagem do Migrante, Eder Clemente, relembra que os moradores de rua não são obrigados a aceitar a ajuda. Mas explica que, quando se negam ir à Casa, são orientados a chamar o Resgate Social caso mudem de ideia. “Geralmente todos já têm o próprio travesseiro e cobertor, mas, de qualquer forma, ficamos monitorando os que não aceitam a ajuda”, completa Eder.

A operação “Baixas Temperaturas” foi implantada no inverno de 2017. Sempre que a previsão aponta frente fria, a equipe já se prepara para os atendimentos. Até o momento foram realizadas 21 abordagens (20 com homens e somente uma com mulheres). Dessas, apenas 16 pessoas aceitaram o acolhimento.

Se você ver um morador de rua necessitando auxílio, basta acionar o Resgate Social pelos número do plantão: (47) 98839 – 7075 ou 156 (pela Central do Resgate Social).

Posted by Click Camboriú on Monday, May 21, 2018

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

- Publicidade -